The Walking Dead – 05×16 – Conquer
| 01 Abr, 2015

walking-dead (1)

05×16 – Conquer

(Contêm Spoilers)

Final de temporada com um episódio de 90 minutos onde houve espaço para emoções fortes e a conclusão de várias histórias secundárias, mas este foi sem dúvida o episódio do Morgan!

Há quanto tempo conhecemos esta personagem? Ele o Rick conheceram-se e tornaram-se amigos na 1ª temporada, voltámos a vê-lo na 2ª temporada num estado mental e psicológico bastante instável e finalmente voltámos a vê-lo no inicio desta temporada mas com uma postura oposta à anterior, desta vez com um ar calmo, determinado e de quem controla a situação (seja ela qual for). E realmente não havia razão para nos procuparmos pois o homem tornou-se numa especíe de Ninja/Jedi, e sobreviveu sózinho na viagem da Georgia para a Virginia, aparentemente sem grandes problemas a avaliar pela maneira como domina os dois Wolfes que o tentam matar no inicio deste episódio (muito bom o diálogo entre os dois nesta cena).

Todo este tempo que passaram em Alexandria, cada um dos membros do grupo do Rick debateu-se com dilemas interiores, divididos entre a vontade de sobreviver e a humanidade que lhes resta. De todos, ninguém parece querer mais a civilização do que a Michonne enquanto que a Carol está preparada para mentir tanto quanto o necessário e manipular seja quem for, de maneira a que o seu grupo esteja sempre com o controlo da situação.

E ninguém mais do que o Glenn se agarra à sua humanidade, pois mesmo quando o Nicholas o tenta matar, (primeiro alvejando-o e depois deixando-o à mercê dos Walkers) ele opta por lhe poupar a vida e regressam os dois a Alexandria.

O Aaron e o Daryl, continuam na recruta de pessoas para Alexandria e vão ter a um sitio que parece ter mantimentos, mas que se revela ser uma armadilha feita pelos Wolfes. Camiões cheios de Walkers…, creepy! Depois de se fecharem num carro e ficarem rodeados de Walkers, têm uma conversa que me faz gostar cada vez mais da dinâmica entre estes dois, que mesmo sendo tão diferentes estão a conseguir criar laços. Quando resolvem sair do carro para abrir caminho por entre os Walkers, surge o Morgan (em Ninja mode) que os ajuda a fugir.

O Eugene e o Abraham finalmente fizeram as pazes, a Tara parece estar a recuperar bem, mas por outro lado temos o Padre Gabriel e a Sasha que continuam na sua descida ao Inferno pessoal de cada um. O padre Gabriel tenta matar-se, mas não consegue e a Sasha parece estar mesmo à beira da loucura (deitar-se numa “cama” de Walkers”? Hello?!). Não há qualquer dúvida que o Padre Gabriel constitui uma ameaça à segurança de todos e a Sasha não está em condições de defender o grupo. A série não consegue aguentar por muito mais tempo duas personagens num caminho auto-destrutivo e ambas já deram deram o seu contributo, por isso está na altura de uma delas morrer e a outra encontrar a redenção.

Finalmente a reunião para decidirem o que fazer com o Rick, mas enquanto se debatem os prós e os contras, este anda a matar Walkers dentro de Alexandria, pois o Padre Gabriel deixou o portão aberto e obviamente que estes entraram (admira-me é como não mataram ninguém). Depois da Carol, da Maggie e do Abraham (bom discurso o deste homem) terem defendido o Rick, eis que este aparece, coberto de sangue e com um Walker às costas ( ele sabe fazer uma entrada triunfal não há dúvida) e mostra-lhes através desta situação que eles tem de mudar se querem sobreviver, não basta fazerem parte de uma comunidade, têm de defendê-la e ter atitude, até agora tiveram sorte, mas as ameaças exteriores, sejam Walkers, sejam humanos, mais cedo ou mais tarde vão acabar com o pequeno paraíso que é Alexandria.

Quem não se conforma com a presença do Rick é o Pete, que surge com a espada da Michonne em punho e ao empurrar o Reg, corta-lhe a garganta acidentalmente, todos sabemos que ele era um ser humano desprezível, mas esta cena foi chocante e num twist final, a Deanna dá ordem ao Rick para o matar.

Quem acaba de chegar e se depara com esta cena é o Aaron, o Morgan e o Daryl. Fim do episódio!

Foi um bom episódio, 90 minutos deram espaço para desenvolver cada uma das pequenas histórias e rematar as pontas soltas, no entanto estava à espera de mais, sei que nem todos os finais de temporada podem ser bombásticos, mas ainda assim estava à espera de mais surpresas.

Estão lançados os dados para a 6ª temporada:

  • Irão os Wolfes ser os grandes vilões? Ou vai aparecer uma ameça ainda maior?
  • Como é que o Morgan se vai relacionar com o Rick depois do que viu? (Ele que agora vive segundo o lema de que toda a vida humana é preciosa), no entanto procurou o amigo durante tanto tempo, porquê tanta determinação em encontrar o Rick?
  • A Deanna vai entregar a chefia de Alexandria ao Rick?
  • Gabriel, Sasha e Nicholas? É desta que morrem?
  • A Carol está-se a tornar numa manipuladora nata…, irá esse facto trazer problemas ao grupo?

Até daqui a 7 meses!!!!

NOTA:8.5/10

Alexandra Leite

Publicidade

Populares

heartstopper

westworld poster

Recomendamos