Swagger – 01×01 – NBA
| 29 Out, 2021

[Pode conter spoilers]

Estreou hoje na Apple TV+ uma nova série, um drama desportivo criado por Kevin Durant, jogador da NBA, e Reggie Rock Blythewood. O episódio piloto de Swagger dá-nos a conhecer Jace Carson, um jovem talento do basquetebol que sonha chegar à NBA, mas se há muitas pessoas dispostas a ajudá-lo a atingir o seu objetivo, também há várias que parecem mais do que prontas para deitá-lo abaixo.

Jace é apenas um miúdo e a mãe faz os possíveis por tomar as melhores decisões para o seu futuro. Os Carson são uma família negra, não vivem no melhor dos bairros e o sucesso de Jace pode ser a forma de todos terem uma vida confortável. Com apenas 14 anos, Jace já sabe o que é ser ‘entalado’ pela polícia sem nada ter feito de mal. Não se trata de uma série sobre racismo, mas o tema também não é ignorado e proporciona aquele que foi, para mim, o melhor momento do episódio. Pouco faltou para que eu chorasse!

Contudo, no geral, o ponto forte da série acaba por ser o basquetebol, algo que é obrigatório quando se trata deste género. Swagger também mostra potencial para ser boa em termos dramáticos – e há já provas disso -, mas se não fizesse os espectadores importarem-se com os jogos, com os resultados, estava a falhar o seu objetivo. Já houve umas quantas cenas emocionantes passadas dentro de campo e só posso esperar que, à medida que a série avançar, essa sensação se torne ainda mais forte. Friday Night Lights e One Tree Hill foram séries que me fizeram gostar de desporto e com as quais vibrei e acho que esta pode ter o que é preciso para o conseguir também.

O episódio tem cerca de uma hora de duração, algo que me assustou um bocadinho ao início, mas quando deu a intro (que tem uma música bastante gira) já estava bem embalada e convencida de que ia ser um tempinho bem passado. A banda sonora é boa e encaixa na perfeição com a série. Parece é que os gostos musicais do personagem principal são duvidosos! Eu não percebo nada de rap, mas o treinador discorda completamente de Jace em relação a Kendrick Lamar.

Acredito que esta seja uma série especialmente interessante para os fãs de histórias sobre desporto, mas também para quem aprecia um bom drama sobre a dualidade que é ter-se um sonho e lutar por ele e o medo de não ser capaz de chegar realmente lá. Parece-me um peso muito grande para alguém tão jovem carregar, mas também acho que Jace pode mesmo vir a jogar na NBA. Go, kid!

Diana Sampaio

Publicidade

Populares

heartstopper

westworld poster

Recomendamos