Classificação

7.5
Interpretação
8.5
Argumento
8
Realização
7.5
Banda Sonora

[Pode conter spoilers]

Why Women Kill, série de Marc Cherry, está de regresso numa antologia brilhante de humor negro e comédia dramática. O primeiro de dez episódios da 2.ª temporada vai ficar disponível na HBO Portugal dia 8 de junho e todas as sextas-feiras poderemos assistir a um novo episódio desta série de sucesso na plataforma de streaming.

Quem viu a 1.ª temporada de Why Women Kill está familiarizado com o conceito e cunho próprio que Marc dá às séries que cria. Desperate Housewives e Devious Maids são também obras deste escritor e produtor e todas feitas dentro do mesmo tom cómico negro, com muito drama e mistério à mistura.

O primeiro episódio desta temporada de Why Women Kill, Secret Beyond the Door, decorre em Hollywood, em 1949, altura em que a vida nos E.U.A. estava mais calma depois da recente grande guerra. É quando conhecemos Rita Castillo (Lana Parrilla). Pois é, a Evil Queen de Once Upon a Time está de regresso ao pequeno ecrã e pode dizer-se que veio acrescentar algo de bom à série. No entanto, a estrela deste primeiro episódio é Alma Fillcot (Allison Tolman), uma mulher de meia idade que leva uma vida infeliz, mas que tem como sonho ser memorável, charmosa e poderosa como Rita.

Alma é mulher de um veterinário muito conhecido, o Dr. Bertram Fillcot (Nick Frost,) e tem uma filha, Dee (B.K. Cannon), que trabalha numa cafetaria. Não são uma família rica, mas têm algumas posses e são conhecidos na sociedade, principalmente Bertram. Em Secret Beyond the Door, um episódio de 50 minutos, conhecemos as várias personagens no centro da história. Para além dos já mencionados, conhecemos Carlo Castillo (Daniel Zacapa), o marido rico de Rita, um homem de 80 anos com uma saúde de ferro. Somos também apresentados a Scooter (Matthew Daddario), sendo que o ex shadowhunter interpreta o amante boy toy de Rita, que está a tentar ingressar na carreira de ator, mas que agora se encontra na penúria e que precisa dela para o sustentar. Scooter, para além de amante de Rita, mantém uma relação secreta com Dee, a filha de Alma. Aqui a história começa a entrelaçar-se e a ficar mais interessante ainda que não tenha ocorrido nenhum acontecimento para além do típico drama familiar, disputa entre ricos e pobres na sociedade, mas o melhor ainda estava para vir.

Alma é uma autêntica dona de casa desesperada, ao tentar entrar no clube exclusivo a que Rita preside. Consegue ser convidada para uma pequena soirée e é aqui que o plot começa a ficar realmente interessante. Alma tenta fazer um vestido que viu numa boutique com roupa cara e durante arrumações no seu sótão descobre um alfinete de peito muito bonito com uma etiqueta a dizer a quem pertencia, o que achou estranho porque antes disso quem tinha morado naquela casa tinham sido os seus pais e Alma, pelo nome, não fez nenhuma associação a um parente próximo. E pronto, a partir daqui o meu conselho é que vejas o episódio, não te irás arrepender!

Secret Beyond the Door de Why Women Kill tem sem dúvida uma cinematografia, figurinos e banda sonora brilhantes. O argumento cheio de mistério, suspense, drama e muito romance à mistura é o grande vencedor deste primeiro episódio. O mais interessante é que consegue prender o espectador do início ao fim, deixando muitas questões no ar e enigmas que quem está a ver quer fazer de tudo para conseguir desvendar.

Vale a pena ainda mencionar que os fãs da série ainda são presenteados, nesta 2.ª temporada, com um narrador conhecido: Jack Davenport, dá voz à história e é absolutamente maravilhoso!

Para primeiro episódio de uma antologia, em que a fasquia da 1.ª temporada era alta, está muito bem conseguido. Um final surpreendente, com um argumento bem elaborado e uma cinematografia fantástica à mistura, ainda com o extra de se ficar a desejar por mais é o que podes esperar deste primeiro episódio de Why Women Kill, disponível na HBO Portugal no próximo dia 8 de junho.

Margarida Rodrigues Pinhal