A atriz britânica Helen McCrory, conhecida principalmente pelos seus papéis na série Peaky Blinders e na saga de filmes Harry Potter, morreu hoje, aos 52 anos, depois de perder a luta contra um cancro.

O anúncio foi feito pelo marido da atriz, o também ator Damian Lewis (Billions), através do Twitter. “Estou destroçado por anunciar que, após uma batalha heróica contra o cancro, a extraordinária mulher que é a Helen McCrory morreu em casa, rodeada pelos seus amigos e familiares”, lê-se na publicação. “Ela morreu tal como viveu. De forma destemida.”

Helen McCrory nasceu em 1968, em Londres, onde estudou interpretação, no Drama Centre. A sua carreira como atriz teve início em 1990, nos palcos dos teatros, destacando-se nos anos seguintes na área. O primeiro papel em televisão chegou em 1993, num episódio da série Full Stretch. Desde então, fez parte do elenco de mais de 30 séries, entre as quais se destacam Doctor Who, Penny Dreadful e His Dark Materials. Ainda assim, o papel que marca a sua passagem pelo pequeno ecrã é o de Aunt Polly, a matriarca dos Shelby, em Peaky Blinders.

O nome e a cara da atriz passaram igualmente pelo grande ecrã. Nascissa Malfoy é uma personagem que os fãs da saga Harry Potter devem conhecer bem. A atriz interpretou a mãe de Draco Malfoy nos três últimos filmes do franchise. Os filmes de fantasia são apenas um dos muitos títulos cinematográficos que constam no currículo de Helen McCrory, que também participou em The Count of Monte Cristo, The Queen, Hugo ou Skyfall.

Helen McCrory e Damian Lewis trocaram votos em 2007 e tiveram uma filha, Manon, e um filho, Gulliver. Em 2020, com a chegada da pandemia da COVID-19, o casal levou a cabo campanhas de angariação de fundos para providenciar refeições aos funcionários do Serviço Nacional de Saúde inglês. No total, angariaram quase um milhão de libras (1.154.000 de euros).