Virgin River – Review da 5.ª Temporada (Parte 2)
| 02 Dez, 2023
7.39

Publicidade

A 5.ª temporada de Virgin River está de volta para uma segunda parte, com dois episódios natalícios que nos aconchegam o coração. É certo que Virgin River já nos habituou a isso, mas episódios como estes realmente acabam por ter outro tipo de efeito e magia, por assim dizer. Gostei bastante destes episódios, embora tenha de admitir que ainda não entrei totalmente no mood natalício. Na verdade, acredito que se tivessem guardado estes episódios um pouco para mais tarde, teriam tido um impacto ainda maior em mim.

Lê também: Virgin River – Review da 5.ª Temporada (Parte 1)

Nestes episódios, Mel (Alexandra Breckenridge) está determinada a descobrir a identidade do seu pai biológico, sendo que no último episódio da parte 1 foi-nos revelado que a sua mãe tinha tido um caso com alguém de Virgin River. Para tal, terá a ajuda de Jack (Martin Henderson), que, ao mesmo tempo, tem também a árdua tarefa de tentar reunir toda a família, de ambos os lados, para celebrar o Natal.

Algo que me deixou ligeiramente triste na parte 1 desta 5.ª temporada foi o fim do relacionamento entre Brady (Ben Hollingsworth) e Brie (Zibby Allen). Confesso que gosto especialmente de Brady e, embora entenda, em parte, Brie, fiquei mesmo desapontada com essa decisão. Apesar de ter gostado da forma como desenvolveram o novo interesse romântico de Brady, mantenho a esperança de que ele e Brie se reconciliem. E depois deste final, algo me diz que vão ser mesmo endgame! Estou bastante curiosa para descobrir o que vai acontecer, principalmente a Brady, e como é que Mike vai sair da equação. Continuo a suspeitar que ele esconde alguma coisa, mas todas as teorias que formei em relação a ele mostraram-se erradas, portanto não sei mesmo o que esperar.

Na primeira parte também nos foi revelado que Lizzie (Sarah Dugdale) está grávida, algo que honestamente não esperava. É certo que a relação dela com Denny (Kai Bradbury) pode não me ter convencido inicialmente, mas acho que a perspetiva de vê-los como pais vai ser bastante interessante, além de que vai permitir um desenvolvimento ainda maior das personagens e das suas histórias.

Relativamente a Doc (Tim Matheson) e Hope (Annette O’Toole), estes presentearam-nos com um dos momentos mais adoráveis destes dois episódios, a par da prenda que Jack deu a Mel. Confesso que não respondi por mim quando vi! Definitivamente que é uma excelente adição à série e estou muito entusiasmada para ver qual será o destaque que lhe irá ser dado ao longo dos episódios. Honestamente espero que seja muito!

Quanto a Preacher (Colin Lawrence), a minha previsão estava certa, sendo que efetivamente só iremos ter um desenvolvimento mais aprofundado – ou até mesmo uma conclusão – na 6.ª temporada. Não sei mesmo o que esperar quanto ao que aí vem. Por um lado, não estou a ver possibilidade de as coisas correrem bem para o lado dele, uma vez que o corpo foi encontrado, mas Virgin River também costuma atenuar – e muito – alguns plots, e Preacher é um bom exemplo disso.

Sendo assim, só resta mesmo esperar pela próxima temporada.

Temporada: 5
Nº Episódios: 2
7.39
6.5
Interpretação
7.8
Argumento
8
Realização
7
Banda Sonora

Publicidade

Populares

beef ali netflix

calendário estreias posters janeiro 2024

Aang avatar the last airbender

Recomendamos