Ahsoka – Review da 1.ª temporada
| 05 Out, 2023
8.85

Publicidade

Ser fã de Star Wars tem coisas curiosas. Por um lado, levas com uma imensidão de conteúdo anual em que a maioria das coisas não acrescentam muito. Por outro lado, de vez em quando somos brindados com conteúdo que nos fazem lembrar do porquê de gostarmos tanto de Star Wars. Ahsoka, do Disney+, é certamente um desses casos.

Ahsoka é uma personagem criada por Dave Filoni para a série animada The Clone Wars. Ela foi a padawan de Anakin Skywalker e é uma da jedi sobreviventes da ordem 66. Embora já não se considere uma jedi (recomendo vivamente que vejas The Clone Wars), ela tornou-se numa das usuárias da força que mais lutou contra o Império. Ahsoka tornou-se numa das personagens mais amadas pelos fãs, regressou em Rebels e mais tarde teve a sua primeira aparição live-action na série The Mandalorian.

No entanto, esta era a série que toda a gente queria ver. Ahsoka, interpretada por Rosario Dawson, teve direito a oito capítulos da sua nova história. Indo ao que realmente interessa, foi com muita felicidade que vi esta série. The Clone Wars e Rebels são das melhores séries de Star Wars e Ahsoka é das minhas personagens favoritas. Ainda assim, confesso que não gostei muito do primeiro episódio. É certo que existe toda uma magia por vermos novas personagens em live-action, como são os casos de Sabine, Ezra e até do Grande Almirante Thrawn, mas o início não me deixou tão prendido ao ecrã como queria. A série continua a história após Rebels e basicamente a grande missão é impedir que Thrawn regresse para liderar os sobreviventes da queda do Império.

Mas vamos lá às coisas de que mais e menos gostei. Como já disse, achei o primeiro episódio muito calmo. Acho que o início foi muito lento e talvez isso tenha a ver com o meu segundo ponto. Esta série vive muito do que foi The Clone Wars e Rebels. Se não tiveres visto essas séries, dificilmente vais entender o que está a acontecer e quem é quem. Acho que os primeiros episódios tentam dar uma luz sobre isso, mas acaba por ser muito simples. Outro aspeto de que não gostei tanto foi dos inúmeros cortes nas cenas de luta. Acho que houve um exagero e tirou realismo às cenas de batalha.

No lado positivo, a série vai sempre crescendo e os episódios apelam muito ao lado sentimental. As relações humanas são a base de Star Wars e esta série vive disso. Gostei das novas personagens. Tanto Baylan Skoll como Shin Hati foram boas adições para o enredo que explora muito as questões de mestre e aprendiz já que, tal como sabemos, marca a relação de Ahsoka e Anakin. Este é o outro ponto: que bom ver Anakin de volta! Foi surreal ver Anakin e Ahsoka durante as guerras colónicas. Para mim foi o ponto alto. Ter Hayden Christensen foi a grande prenda para os fãs.

Melhor episódio:

Episódios 5 – Shadow Warrior Não há muito a dizer. Este episódio é para tocar o coração de quem é fã deste universo. Ter Ahsoka e Anakin durante todo o episódio foi das melhores coisas de que me lembro nos últimos tempos no que toca a Star Wars. Toda a questão da culpa de Ahsoka e do que deve ser um mestre foi lindo de se ver. E, claro, ver cenas das guerras colónicas em live-action é um daqueles sonhos que qualquer fã sempre teve.

Personagem de destaque:

Ahsoka (Rosario Dawson) – Na série dela era injusto falar de outra personagem. O crescimento de Ahsoka durante a temporada é claro e mostra que mesmo não se intitulando como uma jedi, ela é sem dúvida um ser do lado da luz.

Sinto que escrevi muito e ainda podia escrever muito mais. Acredito plenamente que vamos ter uma 2.ª temporada e que claramente vamos entrar em temas mais profundos como o mundo entre mundo. Estou muito curioso por ver o que aí vem. Até lá, só me resta agradecer ao Dave Filoni por este abraço em forma de série que ele ofereceu aos fãs.

Ahsoka - Review da 1.ª temporada
Temporada: 1
Nº Episódios: 8
8.85
9
Interpretação
9
Argumento
8.5
Realização
9
Banda Sonora

Publicidade

Populares

extrapolations apple

calendário estreias posters dez 2023

doctor who

Recomendamos