Uma segunda-feira sem notícias em formato curto seria de estranhar. Como não queremos que nada vos falte, esta semana trazemos novidades sobre séries como A League of Their Own, The Resident ou Queer as Folk. Há também espaço para mencionar novos projetos em fase de desenvolvimento como The King’s Affection.

  • Patrick J. Adams (Suits) prepara-se para desempenhar um papel recorrente no reboot de A League of Their Own, da Amazon Studios. Este terá a oportunidade de contracenar com Abbi Jacobson (Broad City) – co-criadora da série e responsável por dar vida à jogadora de basebol Carson Shaw. O ator vai interpretar Charlie, o marido bem-parecido de Shaw, proveniente do centro-oeste norte-americano, e prestes a regressar do estrangeiro depois de ter combatido na Segunda Guerra Mundial. A personagem é descrita como estando desejosa de voltar a casa para uma vida ao lado da sua mulher.
    .
  • Judy Greer (Kidding) e Katy Mixon (American Housewife) são as mais recentes confirmações no elenco de The Thing About Pam. A minissérie conta a história verídica do assassinato de Betsy Faria, que ocorreu em 2011, e que resultou na condenação do seu marido, embora ele se tenha declarado inocente desde o início do caso. Mais tarde, a condenação foi anulada, o que trouxe ao de cima uma série de eventos que expôs um esquema criminoso e diabólico envolvendo Pam Hupp, interpretada por Renée Zellweger.
    .
  • Ryan O’Connell (Special) é a mais recente adição ao elenco do reboot de Queer As Folk, encomendado pela Peacock. O ator fará parte dos membros regulares do projeto reimaginado por Russell T. Davis. Além da aparecer à frente das câmaras, O’Connell também se assume como coprodutor executivo e guionista. Ao que tudo indica, prepara-se para encarnar um nerd da cultura pop com paralisia cerebral que está mais do que pronto para alguma independência. Jesse James Keitel, Candace Grace, Johnny Sibilly, Devin Way, e Fin Argus são outros dos nomes já confirmados para integrar Queer As Folk.
    .
  • Miles Fowler (Women of the Movement) vai integrar o elenco regular da 5.ª temporada de The Resident, a ser exibida na FOX. O ator vai dar vida a Trevor, o filho afastado de Billie (Jessica Lucas), descrito como um licenciado em química medicinal perspicaz e que acredita que o sistema está de pernas para o ar. Caracterizado por agir de cabeça quente, é apaixonado e um génio na sua área, ainda que nem sempre opte pelo melhor caminho. A adição de Fowler é anunciada pouco depois da notícia que confirmou a saída de Emily Vancamp.
    .
  • O serviço de streaming Viaplay encomendou uma minissérie dramática de oito partes, intitulada A Class Apart. O projeto nórdico será distribuído internacionalmente e baseia-se numa ideia original de Henrik Schyffert e Gustaf Skördeman. A narrativa desenrola-se dentro de uma sociedade secreta num dos melhores colégios internos da Suécia. Depois de um ritual de praxe correr mal, resultando na morte de um dos antigos membros, um estudante de uma das escolas públicas mais desfavorecidas é acusado de homicídio. O argumento tem a assinatura de Michaela Hamilton (Eagles) e Erik Eger (100 Years of Evil) e a série é protagonizada por Aliette Opheim (Kalifat) e Valter Skarsgård (Katla).
    .
  • Karla-Simone Spence (Gold Digger), Sophie Cookson (The Trial of Christine Keeler) e Patrick Martins (Blasts from the Past) vão protagonizar uma nova minissérie de época, The Confessions of Frannie Langton, para o canal ITV. Trata-se da adaptação de um romance homónimo de Sara Collins. O drama, composto por quatro partes, narra a viagem de Frannie desde uma plantação jamaicana até à chegada a uma mansão em Mayfair, onde é oferecida a Benham como criada doméstica. Depois de os Benhams serem encontrados assassinados nas suas camas, a jovem é acusada de homicídio. Enquanto Spence será Frannie Langton, Cookson prepara-se para interpretar a Madame Marguerite Benham e Martins dará vida a Laddie Lightning. Por sua vez, Stephen Campbell Moore (War of The Worlds) veste a pele de George Benham, um cientista célebre casado com Marguerite. Steven Mackintosh e Henry Pettigrew (William Pettigrew) completam o elenco.
    .
  • A Netflix vai estrear, no próximo dia 11 de outubro, uma nova série de romance sul-coreana intitulada The King’s Affection. Esta aposta para o outono será protagonizada por Park Eun Bin e Rowoon e narra a história de como uma gémea abandonada se faz passar pelo seu próprio irmão, um príncipe herdeiro já falecido. O conto baseia-se numa série de banda desenhada na qual uma mulher se imagina a subir ao trono e por isso tem de desaparecer da história. O príncipe herdeiro disfarçado (Bin) e o seu professor (Rowoon) estão destinados a apaixonarem-se um pelo outro, o que os leva a viver um romance secreto.
    .
  • O Syfy deu luz verde a Astrid & Lilly Save the World, série que evidencia, de forma literal, os horrores da escola secundária. O projeto de dez episódios será protagonizado por Samantha Aucoin (uma cantora/compositora que se irá estrear como atriz) e Jana Morrison (Zoey’s Extraordinary Playlist). As jovens interpretam duas melhores amigas que acidentalmente abrem um portal para uma dimensão de monstros terrivelmente peculiar. Terão assim de travar batalhas com criaturas assustadoras e salvar o mundo, transformando-se nas heroínas audazes que estavam destinadas a ser. Enquanto Lilly (Aucoin) é caracterizada pela sua doçura e forte intuição – sendo uma apaixonada por fotografia de investigação -, Astrid (Morrison) é ousada e “sem filtro”, dispondo de um talento para engenhocas “científicas”.