Classificação

7
Interpretação
7.5
Argumento
8
Realização
6.5
Banda Sonora

[Pode conter spoilers]

The Irregulars, criada por Tom Bidwell, é a nova série britânica de drama criminal desenvolvida pela Netflix. É baseada nas personagens das histórias de Sherlock Holmes de Sir Arthur Conan Doyle e o primeiro episódio conta a história dos Baker Street Irregulars, que são recrutados para trabalhar para o Dr. Watson e que investigam crimes sobrenaturais que estão a acontecer em Londres.

O primeiro episódio de The Irregulars, com 58 minutos, conta-nos as história de Bea (Thaddea Graham), da sua irmã Jessie (Darci Shaw) e dos seus dois amigos, Spike (McKell David) e Billy (Jojo Macari), que vivem com poucas condições nos subúrbios da cidade de Londres. Os quatro amigos órfãos são recrutados pelo Dr. Watson (Royce Pierreson) para investigarem o desaparecimento de quatro recém-nascidos que foram “raptados” de uma forma estranha e peculiar: por corvos raivosos.

The Irregulars tem a pretensão de ser um drama adolescente com suspense sobrenatural à mistura, mas o primeiro episódio mostra que também consegue ter um tom leve e cómico, principalmente pela interpretação de Mckell do personagem Spike.

Como boa série de teen drama que se preze, tem também um triângulo amoroso. No entanto, esta foi a parte do primeiro episódio que não soube ser bem contada e cai na história um pouco de paraquedas. Conhecemos Leopold (Harrison Osterfield), um membro da família real que não está autorizado a sair do palácio e que no seu dia de anos consegue ausentar-se durante uns momentos. Conhece então Bea e fica completamente encantado. Leopold consegue também ajudar Bea a desvendar o mistério dos bebés desaparecidos, mas Billy não fica muito contente com a sua presença.

Este primeiro episódio está interessante e muito bem conseguido. Tem uma cinematografia e realização impecáveis, assim como uns figurinos e cenários brilhantes e típicos da era Vitoriana vivida em Londres. Na interpretação do elenco destacam-se os personagens Spike e Jessie, esta última que se prevê o ponto fulcral deste enredo.

É importante mencionar que neste episódio piloto de The Irregulars, o grupo acaba por conseguir desvendar o mistério, mas muitas questões ficam sem resposta, numa tentativa de prender os espectadores ao ecrã.

Com muitos personagens e mistérios por descobrir, os oito episódios da 1.ª temporada já estão disponíveis na plataforma de streaming Netflix e são uma boa aposta para a vossa maratona de fim de semana.

Margarida Rodrigues Pinhal