Classificação

6.5
Interpretação
7
Argumento
6.5
Realização
7
Banda Sonora

[Contém vestígios de spoilers]

Young Rock é a nova sitcom da NBC criada por Nahnatchka Khan e Jeff Chiang. O primeiro episódio da série de comédia tem como propósito dar a conhecer a história de vida de Dwayne Johnson, ator e lutador de wrestling conhecido do público. A ação começa em 2032, Dwayne “The Rock” Johnson (interpretado pelo próprio) está a fazer campanha para ser o próximo presidente dos EUA.

O primeiro episódio de Young Rock começa com “The Rock” a fazer a sua campanha presidencial num autocarro do futuro. Para vencer esta eleições e para que os eleitores norte-americanos fiquem a saber quem é realmente  Dwayne “The Rock” Johnson para além da fama, do wrestling e do cinema, Dwayne decide dar uma entrevista em televisão a Randall Park (o próprio), que, em 2032, já não é ator mas sim um jornalista e locutor.

Para quem está familiarizado com a história do inigualável “The Rock” ainda nos tempos em que era lutador de wrestling, a história deve ser ainda mais interessante pois a série dá a conhecer esta perspetiva, fazendo um throwback aos anos 80 e 90 quando esta “arte” ainda estava no seu auge. Um dos pontos altos do primeiro episódio de Young Rock acaba por ser isso mesmo: conteúdo fresco e uma forma diferente de fazer uma auto biografia.

Acaba por ser este o ponto diferenciador relativamente a outra sitcoms. Neste primeiro episódio o espectador assiste a três saltos temporais e conhece Dwayne aos 10 anos (Adrian Groulx), aos 15 anos (Bradley Constant) e aos 18/20 anos (Uli Latukefu) já na faculdade. Esta passagem foi bem conseguida, pois acaba por ser feita de uma maneira interessante, percetível e sem exageros.

O primeiro episódio, Working the Gimmick, tal como referido, transporta-nos para os anos 80 e a meio do episódio para os anos 90. Dos carros aos figurinos, assim como a banda sonora levam o espectador a viajar no tempo de forma subtil e engraçada.

Os grande vencedores deste piloto são, sem dúvida, a escolha do elenco e o argumento. Os atores que protagonizam Dwayne Johnson são muito parecidos, o que faz com que a série tenha um toque real. O argumento consegue ser leve e passar uma mensagem cómica, dando novamente aquele toque real pois acaba por ser baseado em factos reais, que são a vida de Dwayne “The Rock” Johnson.

Young Rock acaba por cumprir o prometido: solta-se umas gargalhadas e entretém-nos durante 25 minutos. No entanto, ao longo do episódio somos alvos de muito barulho visual que acaba por nos desconcentrar da história principal e do que está realmente a acontecer, o que acabou por ser o ponto fraco deste piloto.

É uma série leve, cómica e interessante.

Margarida Rodrigues Pinhal