Classificação

7
Interpretação
5
Argumento
7
Realização
6
Banda Sonora

[Não contém spoilers]

Balthazar é uma série francesa de investigação policial que teve a sua estreia em 2018, encontrando-se atualmente na 3.ª temporada. O episódio piloto estreou recentemente no AMC Portugal.

A série segue Raphaël Balthazar (Tomer Sisley), um patologista forense que consegue comunicar com os mortos na sua mesa de autópsias. Com a chegada da nova chefe da Polícia, Hélène Bach (Hélène de Fougerolles), à equipa de investigação, os dois terão de se habituar a trabalhar juntos e Hélène terá de aprender a lidar com a personalidade extravagante de Balthazar.

A primeira impressão com que fiquei após ver o episódio piloto foi que a série tenta ser uma mistura de Bones com Ghost Whisperer e não oferece nada de novo. Fiquei também com a sensação de que se esta série tivesse estreado entre os anos 2000-2010 poderia ter sido um sucesso, mas pelo menos para mim, alguém que vê muita televisão, considero que é uma cópia integral de séries icónicas desse tempo. Considero também que a qualidade das séries aumentou imenso desde essa altura e como não tenho nenhuma nostalgia associada, em 2020 uma série destas acaba por não me dizer nada.

Também sei que este tipo de séries são uma fórmula e pelo menos esta não é pretensiosa ao tentar ser mais que isso. No entanto, isto faz com que a série seja tão previsível que só é agradável como barulho de fundo. O patologista que é bonito, a chegada da nova agente da polícia, o grupo de amigos, o caso criminal com uma resolução simples e o passado obscuro da personagem principal…tudo são moldes que já foram explorados milhares de vezes antes.

A razão que me leva a não dar uma qualificação mais negativa é o facto de ter passado uma hora agradável a ver a série. Acho que foi um pouco dramática demais, mas a verdade é que não me aborreceu e, como em todas as séries criminais, tive de ver até ao fim para descobrir quem cometeu o crime. Se estou ansiosa para continuar a ver a série? Nem por isso, mas é daquelas séries que se estiver a dar na televisão quando eu estiver a fazer zapping sou capaz de parar e ver um episódio.

No geral, acho que o episódio piloto de Balthazar oferece o que promete. uma série fácil de ver, com um caso por episódio, aliado a um mistério que acompanha toda a temporada e um elemento sobrenatural à mistura. Para o que é, acho que está bem construída a nível de realização e da representação dos atores. Não sei se recomendo; talvez só se quiserem ver uma série de forma muito passiva, sem compromissos.

Ana Oliveira