South Of Hell – 01×01 – Demons Are Forever (Pilot)
| 06 Dez, 2015

[Quero começar por pedir desculpa pelo atraso desta review.]

Contém SPOILERS!

South of Hell é a mais recente série do canal WE tv e insere-se nos géneros sobrenatural, horror e drama. Acompanha a vida de Maria Abascal (Mena Suvari), que tem uma peculiaridade… está possuída por um demónio chamado Abigail.

Quem não se lembra da atriz Mena Suvari dos filmes American Pie? É verdade que a atriz nunca conseguiu “aquele” papel fantástico que a transformou numa mega estrela de Hollywood, mas mesmo assim tem conseguido uma agenda bastante preenchida. Maria e o irmão, David (Zachary Booth) são exorcistas a soldo. Ou seja, viajam pelos EUA, pelo menos as referências indiretas assim o indicam, a exorcizar demónios em troca de dinheiro.

Maria tem pesadelos com o seu pai pois, outrora, este foi pastor de um culto religioso/satánico que poderá ter condicionado a possessão da filha. Isto porque Maria não está possuída por um demónio qualquer… Abigail é um demónio bastante importante da esfera infernal. A jovem vive com um olhar triste, completamente justificado, porque tem um demónio dentro de si a fazer pressão constante para assumir o controlo. Daí a justificação dela viver completamente dependente do irmão, David. Ele funciona como catalisador de Abigail, fazendo com que ela ceda o controlo a Maria. Embora o guião tenha sido um pouco enigmático, não me espantaria que Abigail e David tivessem uma história de cariz algo amoroso, o que elevaria a bizarrice da série, mas não há nada como acompanhar os próximos episódios para verificar se tal é verídico.

Ora bem, o primeiro trabalho de Maria/Abigail é expulsar o demónio que habita um rapaz que anteriormente feriu violentamente um desses pastores americanos que se julga capaz de tudo. Foi aqui que vimos a aparência demoníaca das personagens, algo que deixou muito a desejar, sobretudo no que concerne às lentes de contacto muito fake. Bem, o exorcismo não corre bem e o demónio foge antes de ser controlado, embora dê sinais de regressar mais à frente no episódio. Pelo mencionado, o demónio até não era mau de todo, já que protegia o miúdo das agressões do padrasto.

Ficamos ainda a conhecer Elijah Bledsoe, um sacerdote cuja filha também foi afetada pelo culto onde morreu o pai de Maria. E aqui se dá o verdadeiro exorcismo, com Abigail a literalmente comer o demónio que está dentro de Grace! Agora sim, Elijah, conforme prometido, ajudará Maria e David numa missão que está prestes a começar… as forças negras estão a chegar!

Em suma, a premissa é interessante, mas a concretização foi pouco apelativa. A personagem de Maria está bem conseguida, mas David, até ao momento, tem-se revelado completamente desnecessário. A série até tem bastante potencial, mas carece de melhorias no que concerne ao guião, realização e efeitos especiais.

Rui André Pereira

Publicidade

Populares

sas rogue heroes poster

calendário estreias

freeridge poster

Recomendamos