Legends of Tomorrow – 03×17 – Guest Starring John Noble
| 05 Abr, 2018

Publicidade

Contém spoilers!! E não são poucos…

Por onde começar a falar deste episódio? Nem vamos analisar o título, que em si já deixa os fãs de fantasia em grande hype para ver este episódio. Vamos começar pela pequena história que ‘mete’ um jovem e otimista Barack Obama. Damien e Nora mandam Grodd atacar Barack Obama de modo a criar um anacronismo temporal grande o suficiente para libertar Mallus da sua prisão. Claro que a equipa de Legends consegue salvá-lo a tempo, conversar com ele e mostrar a sua admiração antes de lhe limparem a memória. Durante esta altura, Damien apercebe-se que a pessoa que está ao seu lado já não é a sua filha Nora, mas sim um corpo para Mallus.

Damien começa a pensar que não era este o desfecho que queria e entrega-se com o totem da água às lendas. Estes recebem-no com muita desconfiança, principalmente Sara (justificadamente, claro!). Depois de abrir o seu coração a Sara e pedir desculpa pelo que fez, mostra que ter uma filha para amar o fez perceber o sofrimento que causou no passado. Até começa a formar uma ligação com Ray que já tinha tido início em Berlim. Assim formam um plano para apanhar Nora.

Este plano passa por uma técnica de televisão chamada metaficção, em que a própria série reconhece quase a sua existência como o que é. Este estilo está muito presente no filme Deadpool. Sem chegar a esse extremo, Ray reconhece que a voz de John Noble, imortalizado pelo seu papel em Lord of The Rings, como Denethor, é muito semelhante à de Mallus. Acontece que John Noble é o ator que tem feito a voz de Mallus desde que este apareceu. Assim vão à Nova Zelândia em alturas de gravações e gravam John a dizer uma fala que na realidade é uma ordem para Nora. Ao mesmo tempo que fazem isto, gozam com o seu próprio enredo, dizendo que estas falas são um bocado estúpidas. Um momento simplesmente genial!

Com a gravação preparada, Ray entra no ouvido de Nora e mete-lhe o áudio. Esta acredita e cumpre o plano à risca, acabando capturada. Como se lembram, Amaya tinha regressado ao passado para salvar a aldeia e Nate decide ajudá-la. Sara acaba por concordar com o plano decidindo que o melhor a fazer é libertar Mallus e lutar com ele naquele momento. Só que Damien, portador do totem da morte, vê a sua filha e esta diz que ainda está viva. Tal como aconteceu da primeira vez, os portadores dos totens são traídos pelo portador do totem da morte. Damien decide que a aldeia tem que ser destruída para que Mallus não seja libertado e a sua filha tenha uma hipótese de sobrevivência.

O que acontece é que Nate consegue salvar a aldeia de Grodd a tempo e Mallus liberta-se. No momento da sua transformação, vemos a cabeça de Nora a cair do corpo e a desintegrar-se, o que provavelmente quer dizer que a esperança de que ainda a conseguissem salvar é nula. Sara recupera o totem de Damien e a equipa junta-se mesmo a tempo de ver a transformação. Mallus, na sua forma original com asas, diz apenas que é muito mais que um Deus antes de o episódio acabar. O que sei é que foi um dos melhores episódios da temporada e que nos deixa preparados para o que pode ser o melhor season finale de Legends desde que começou. Adorei ver Damien num plano mais profundo e humano. Já no episódio anterior tinha começado a mostrar esta faceta e aparentemente pegou. Por outro lado, Zari que é uma das minhas personagens preferidas individualmente, continua com um papel pouco participativo e pouco fulcral.

Restam-nos algumas previsões e questões. Sendo que acredito que, se o rumo for o mais óbvio, Sara irá pegar novamente no totem da morte e não irá trair as lendas como da última vez, sendo até ela a salvar a luta contra Mallus. Quanto à principal questão que tenho para o próximo episódio é se Constantine irá aparecer para ajudar e consolidar o seu papel como regular na próxima temporada.

O que acharam?

Raul Araújo

Publicidade

Populares

calendário estreias posters maio 2024

trying 4 apple tv+

Recomendamos