Classificação

8.7
Interpretação
8.6
Argumento
8.4
Realização
8.8
Banda Sonora

Atenção: esta review contém SPOILERS!

Queen Death começa quando, após receber uma mensagem da Hollow, Vincent se junta aos Originais numa tentativa desesperada de a derrotar de uma vez por todas, mesmo que isso signifique que terão de fazer sacrifícios. Recusando-se a permitir que alguém na sua família pague o preço ao derrotar o seu inimigo, Klaus forma uma surpreendente aliança e elabora um plano que ameaça mudar para sempre a família Mikaelson.

Ainda no corpo de Sofya, a Hollow aprisiona Elijah numa cabine na floresta após tê-lo atacado com uma mortífera estaca no episódio anterior. Sabendo que a família de Originais virá ao seu resgate, a Hollow propõe uma troca: o osso que lhe falta por Elijah. No entanto, deixa de fora que Elijah terá de morrer, uma vez que Inadu (Blu Hunt, a Hollow) necessita do sacrifício de um Original para renascer.

Ao mesmo tempo, Vincent encontra-se na igreja, a qual foi profanada pelos seguidores da Hollow, que deixam assim uma mensagem clara: ou estão connosco ou estão contra nós. Somos informados que vários bruxos se têm vindo a juntar a esta fação, o que se revela um problema mais para a frente no episódio. É nesta altura que Hollow aparece e apresenta a Vincent a troca mencionada acima, deixando-o encarregue de levar a informação aos Mikaelson.

Na mansão Mikaelson, Klaus está a passar algum tempo de qualidade com Hope quando Hayley se apercebe que Elijah nunca regressou a casa. Da última vez que alguém viu o Original, este dirigia-se à casa de Marcel, pelo que Klaus se encontra com ele, chegando rapidamente à conclusão que este não sabe onde o seu irmão se encontra. De volta à mansão, Vincent partilha o que sabe com os Mikaelson e afirma que, apesar da proposta da Hollow, Elijah morrerá na mesma. Sugere que, em vez de tentarem adiar o inevitável, deverão usar a energia libertada com a morte de Elijah para capturar a Hollow – escusado dizer que a sugestão não é bem aceite pela família de Originais.

Cada pessoa envolvida tem um objetivo diferente, neste episódio. Para Vincent, a prioridade deveria ser destruir a Hollow; já Marcel não quer que nada aconteça a Sofya e, por último, os Originais apenas querem encontrar e salvar Elijah. Tentam, então, encontrar um plano que funcione para todos: Vincent sugere que surpreendam a Hollow ao levar Marcel a entregar-lhe o osso, aproveitando a proximidade para a esfaquear com uma lâmina banhada pelo sangue de Hayley e que usem a morte de Elijah para aprisionar o seu espírito.

Como os Originais não estão interessados na morte do seu familiar, Freya tenta encontrar um loophole que permita a sobrevivência do seu irmão. Vincent relembra a Freya que Elijah já viveu durante mil anos e que tudo aquilo que vive eventualmente tem que morrer. Isto leva a bruxa a lembrar-se da morte do seu irmão Finn e como o aprisionou num colar enfeitiçado, sendo este o destino que tem planeado para Elijah.

No entanto, Elijah encontra-se tão enfraquecido devido ao veneno no seu sistema que não existem garantias de que sobreviverá. Para proteger o seu irmão, Klaus oferece-se enquanto sacrifício para que Freya possa canalizar a sua morte de modo a derrotar a Hollow, colocando-o depois no pendente e usando o antídoto para salvar Elijah. Apesar de ninguém apoiar este plano, todos acabam por concordar, uma vez que estão a ficar sem tempo. Freya usa o veneno de Marcel para realizar um feitiço de localização, descobrindo onde Elijah se encontra, e todos se preparam para desempenharem o seu papel.

Vincent está encarregue de sacrificar Klaus e diz ao Original que este está finalmente a corresponder ao potencial que Cami viu nele. Na floresta, Marcel encontra-se com a Hollow e oferece-lhe o osso em troca de Sofya. Inadu aceita a proposta, junta todos os seus ossos e coloca-os no interior de uma árvore. É nesta altura que Marcel a ataca, esperando que Sofya acorde mais tarde. Ao mesmo tempo, é suposto que Vincent sacrifique Klaus, mas os dois são emboscados por um grupo de bruxos que ameaçam Maxine (Karan Kendrick). Vincent tenta apelar à razão, mas Klaus acaba por matá-los, mas não antes destes destruírem os espinhos da rosa que podem acabar com a vida de um Original, sem os quais o sacrifício não pode ser realizado.

Entretanto, Hayley e Freya encontram Elijah na cabine. Apesar de conseguirem derrotar os lacaios encarregues de o guardar, ainda têm que quebrar o feitiço que o aprisiona, o que demora tempo que não têm para gastar. Klaus chega mesmo a tempo para dar o pendente a Freya, mas o seu plano não funciona, pois Inadu está a sugar a vida de Elijah. De repente, a Hollow explode e desaparece e o corpo de Elijah começa a dissecar. Freya não consegue colocar o espírito do seu irmão no pendente, uma vez que este se encontra despedaçado.

O corpo de Elijah é levado de volta para a mansão, onde Klaus exige que Freya faça alguma coisa. No entanto, a bruxa não sabe o que fazer, visto que não consegue “sentir” a presença de Elijah. Hope acaba por se juntar à família e coloca a mão sob o ombro de Freya, o que leva a que ambas tenham uma visão do Original que, apesar de não ter desaparecido por completo, se encontra fragmentado.

No fim do episódio, regressamos à árvore onde a Hollow colocou os seus ossos, da qual a vemos emergir, como se esta estivesse, por fim, a renascer. Vemos ainda que Marcel devolve a Vincent o livro que o bruxo lhe entregou no início da temporada. Isto leva a que seja novamente mencionado que, caso a situação fique descontrolada, Marcel tem instruções para matar Vincent, o que nos deixa a perguntar se o bruxo sobreviverá até ao fim da temporada.

Queen Death foi, sem sombra de dúvida, um episódio bastante atribulado para as nossas personagens. Pessoalmente, não estava nada à espera que Elijah chegasse a morrer, apesar de ter quase a certeza que não ficará neste estado durante muito tempo. E vocês, o que acharam?

Inês Salvado