Quantico – 02×05 – KMFORGET
| 01 Nov, 2016

Publicidade

No episódio desta semana de Quantico a maior parte da ação passa-se na quinta. Harry aumenta fortemente as suas suspeitas acerca de Alex e Ryan enquanto que Leon é recrutado para uma pequena tarefa especial por Owen.

Presente:

Alex descobre que alguém avisou os terroristas acerca do seu paradeiro, talvez até tenha deduzido que foi Miranda, mas isso já não sabemos. Depois de alguma perseguição, é apanhada e prestes a ser morta quando alguém misterioso dentro da organização a ajuda ao ponto de falsificar um cadáver como sendo dela para despistar o resto deles. Talvez a tática utilizada nos indique que se trata de alguém da turma dela na CIA devido à semelhança com o tema de aprendizagem desta semana. No final, Alex encontra um suposto refém a andar solto, alguém conhecido, e ficamos sem saber se escapou ou fará parte da conspiração.

Noutra frente, Shelby é encarregue de ir recrutar Will para a sua causa, mas este acaba por tentar convencê-la da inocência de Miranda, para mais tarde descobrirmos que ele está a par de tudo e em conivência com esta.

A Quinta:

O tema desta semana é ilusão. Sim, como criar situações para parecer coisas que não são, como por exemplo fazer um cadáver parecer morto de uma maneira, ao invés de como realmente foi. Para demonstrar, a CIA drogou Alex, Ryan e Harry e fez parecer como se tivessem dormido todos juntos e acordassem em frente ao resto da turma. Alex e Booth continuam com suspeitas em relação a Leigh e tentam encontrar provas de que ela os estava a espiar, quando são apanhados em flagrante por Harry.

No exercício prático desta semana, divididos em grupos, o objetivo do grupo de Parish era limpar o quarto de hotel onde se encontrava um cadáver colocado pela CIA antes de a polícia chegar. Com Harry a fazer cada vez mais pressão, Ryan e Alex, num nos melhores momentos desta segunda temporada, conseguem enganá-lo e incriminÁ-lo pela situação que ocorria no hotel, pensando que se estavam a livrar de um problema.

No entanto Harry, mostrou-se mais desenrascado do que previsto e conseguiu sair da prisão (há que louvar a maneira engenhosa como levou Shelby e Nimah ao evento) e, numa discussão onde o foco é transparência, conta-lhes o verdadeiro propósito de estar ali.

Durante este episódio, Owen trata de um assunto referente à sua reforma antecipada com a ajuda de Leon a forjar fotografias, deixando-nos mais curiosos acerca do seu passado.

Foi de longe o meu episódio preferido desta temporada. Não foi perfeito, notando-se isso especialmente na parte do ataque terrorista no presente, mas foi cheio de desenlaces e contributos para o panorama geral. Além de que em certos momentos não sabia se estava a ver um episódio de Quantico ou de Leverage. Se tenho dito que Quantico precisava de subir a parada, acho que este episódio fez isso mesmo. Aguardo ansiosamente para ver o próximo!

Raul Araújo

Publicidade

Populares

calendário estreias posters junho 2024

la brea 3 poster

Recomendamos