Classificação

7.5
Interpretação
5
Argumento
7
Realização
6
Banda Sonora

[Contém Spoilers]

Quase uma década depois de Gilmore Girls, eis que somos presenteados com uma minissérie de quatro episódios, os quais dão um seguimento ao final abrupto da última temporada. Caso este tenha sido o vosso primeiro contacto com Gilmore Girls, vou situar-vos um pouco. A série conta a história de uma mãe solteira, Lorelai (Lauren Graham), e da sua filha adolescente, Rory (Alexis Bledel). Ambas vivem na pequena cidade de Stars Hollow, onde toda a gente se conhece. Durante as sete temporadas de Gilmore Girls, tanto Lorelai como Rory passam por alegrias, tristezas, namoros atribulados, problemas familiares, dificuldades no emprego/escola/faculdade e ambas bebem muito café.

Cada episódio de Gilmore Girls: A Year in the Life vai retratar uma das quatro estações do ano. Neste primeiro, estamos no inverno, onde o cenário está repleto de neve e decorações natalícias. Rory regressa a casa, mas só por um dia, pois tem de voltar a Londres, onde está a acompanhar Naomi Shropshire (Alex Kingston), de forma a colaborar na escrita do seu livro autobiográfico. Ao mesmo tempo, está a aguardar por uma entrevista na Condé Nast, uma grande empresa de comunicação social. Ficamos a saber que Rory se encontra numa fase transitória na sua vida, sem casa própria e com os seus pertences em diferentes casas de amigos e familiares.

Um dos maiores rumores sobre esta minissérie era descobrir como estaria a vida amorosa de Rory. Estaria com Logan (Matt Czuchry), Jesse (Milo Ventimiglia) ou Dean (Jared Padalecki)? E não é que aparece um Paul (Jack Carpenter), um desconhecido, como namorado de Rory de há já dois anos. Contudo, parece que ninguém se lembra dele, nem mesmo Rory. Paul não é de todo o que imaginava para companheiro de Rory e não acho que o pobre coitado mereça que estejam constantemente a esquecer-se dele. Fiquei ainda mais confusa com esta situação toda depois de ver Rory num apartamento com Logan, com quem pelos vistos tem uma relação amorosa que só ocorre quando está em Londres. Rory tem uma relação com Logan ao mesmo tempo que namora com Paul? E ainda mente à mãe quando lhe diz que ficou em casa de uma amiga, na sua estadia em Londres! Parece que vou ter que esperar pelos próximos episódios para descortinar estas complicações.

Ao longo do episódio, vamos tendo a oportunidade de conhecer um pouco as personagens de quem já tínhamos saudades. Kirk (Sean Gunn) tem um porquinho de estimação e quer começar um novo negócio chamado ‘ooo-ber’. Miss Patty (Liz Torres) ainda dá aulas de ballet. Lane (Keiko Agena) continua casada com Zack (Todd Lowe), vivem com os dois filhos e ainda fazem parte da banda Hep Alien. No Dragonfly Inn, Michele (Yanic Truesdale) continua com a mesma atitude de sempre e Sookie (Melissa McCarthy) decidiu tirar seis meses de sabática, mas já passou um ano sem regressar.

Luke (Scott Patterson) vive com Lorelai e mantém o seu café no centro da cidade. Ambos descobrem que querem ter um filho, mas têm que recorrer a uma barriga de aluguer. Paris (Liza Weil), amiga de longa data de Rory, é a dona da clínica de fertilidade e quer ajudá-los, apesar de resolverem não seguir em frente com a ideia de terem um filho. Contudo, pareceu-me que este assunto não ficou concluído por aqui.

Entretanto vemos, num flashback, a cena triste do funeral de Richard (Edward Herrmann), que ainda se torna mais triste sabendo que o ator faleceu em 2014. Lorelai e Emily (Kelly Bishop) acabam por ter uma grande discussão no final do dia, onde se atacam verbalmente uma à outra. O episódio termina com uma chamada de Emily a Lorelai, na qual ficamos a saber que vão começar a ter sessões de terapia juntas. E estavam mesmo a precisar, certo?

Em suma, o episódio soube-me a pouco, mas tenho esperanças que os próximos três compensem (vou vê-los já de seguida). Uma coisa é certa, não gostei nada do rumo que deram à vida amorosa de Rory e acabei por achar bem mais interessantes as cenas de interação de Lorelai com Emily.

Nota: Não sei se repararam que a nova empregada de Emily (e a primeira de quem Emily gosta), Berta, é interpretada pela atriz Rose Abdoo, que também interpreta Gypsy na série.

Ana Velosa