As segundas-feiras de cada semana já não seriam as mesmas sem uma seleção de notícias curtas para ficarem a par das maiores novidades no universo das séries. Este conjunto de micro updates conta com títulos como The Cleaning Lady, Ozark, Q-Force e mais!

  • Oliver Hudson (Splitting Up Together) prepara-se para contracenar com a atriz Elodie Yung na série dramática da FOX The Cleaning Lady, depois de se ter juntado ao elenco regular num processo de casting que obrigou à reformulação do seu papel. O ator vai calçar os sapatos do agente do FBI Garrett Miller, uma personagem criada recentemente para substituir a do agente Gavin Ross, encarnada pelo ator Vincent Piazza apenas durante o episódio piloto. Miller é descrito como um profissional extremamente competitivo, brilhante e camaleónico a seguir o rasto de Thony (Yung) e dos restantes membros da máfia.
    .
  • Veronica Falcón (Queen of the South) e Ali Stroker (Blue Bloods) vão juntar-se ao elenco da 4.ª e última temporada do thriller criminal Ozark, associado à Netflix. Falcón prepara-se para encarnar Camila, a irmã do líder do cartel de drogas Omar Navarro (Felix Solis), numa altura em que o filho deste – Javi Elizonndro (Alfonso Herrera) – pretende apoderar-se do cartel do tio. Camila trabalha silenciosamente nos bastidores para se mover de forma exemplar dentro do império de droga da sua família. Já Stroker ficará encarregue de vestir a pele de Charles-Ann, uma velha amiga da mãe de Ruth (Julia Garner) que lhe dá apoio quando esta mais precisa. Ambas as atrizes desempenham papéis recorrentes, tendo sido convidadas especialmente para a season em questão. A última leva de episódios será lançada em duas partes, cada uma composta por sete episódios. Embora ainda não haja uma data definida, há fortes possibilidades de a estreia acontecer em 2022.
    .
  • Os atores Gary Cole (The Good Fight), David Harbour (Stranger Things), Patti Harrison (Shrill), Laurie Metcalf (The Conners), Matt Rogers (Our Cartoon President) e Wanda Sykes (The Upshaws) vão juntar-se a Sean Hayes para fazer parte do elenco da nova série animada da Netflix, Q-Force. A comédia protagonizada por espiões que pertencem à comunidade LGBT tem estreia agendada para 2 de setembro e a sua narrativa acompanha o agente Steve Maryweather (Hayes) – o “menino bonito” da Comunidade de Inteligência dos Estados Unidos até decidir assumir a sua homossexualidade. Embora não o possa demitir das suas funções, a agência envia-o para West Hollywood para que desapareça na obscuridade. Contudo, Mary acaba por formar um esquadrão de outsiders que inclui Deb (uma especialista em mecânica interpretada por Skyes), um mestre em disfarces e drag chamado Twink (Rogers) e a hacker Stat (Harrison). Depois de resolver um caso à sua maneira, a equipa é aprovada pela agência e terá como contrapartida a integração de Agent Buck (Harbour) – um novo membro heterossexual – na Q-Force. Enquanto Cole encarna Dirk Chunley, o diretor inflexível da agência, Metcalf veste a pele de V, vice-diretora e a mulher com o cargo profissional mais elevado que apesar de mal-humorada tem um fraquinho por Mary. Gabe Liedman, o guionista desta nova aposta, vai dar voz ao afável Benji, o interesse amoroso de Mary que está constantemente em perigo devido à sua proximidade com a Q-Force.
    .
  • A atriz e comediante britânica Catherine Tate (Doctor Who) criou uma minissérie de seis partes para o streamer Netflix. Trata-se de uma paródia em formato de documentário intitulada Hard Cell e desenrola-se numa prisão para mulheres. De acordo com a sinopse, “Tate interpreta várias personagens enquanto a equipa técnica acompanha várias reclusas e membros do staff de uma prisão fictícia – HMP Woldsley – captando a brutalidade humorística do sistema penal”. O produtor executivo Kristian Smith descreve o projeto como “divertido e comovente ao mesmo tempo”.
    .
  • A Netflix anunciou o elenco de uma nova minissérie dramática sobre a criação do Spotify – uma startup sueca que abanou a indústria musical e evoluiu para um dos serviços líder de streaming à escala mundial. Ainda sem título oficial, a produção arrancou recentemente e o projeto deverá ser lançado na plataforma em 2022, globalmente. A série – composta por seis episódios – será protagonizada por Edvin Endre (Daniel Ek), Ulf Stenberg (Per Sundin), Gizem Erdogan (Petra Hansson), Joel Lützow (Andreas Ehn) e Christian Hillborg (Martin Lorentzon). Inspirada pela obra literária Spotify Untold dos autores Sven Carlsson e Jonas Leijonhufvud, a adaptação conta a história de como Daniel Ek, um jovem empreendedor sueco, e os seus parceiros desafiaram o status quo de uma indústria face à ameaça da pirataria, oferecendo música grátis através de um serviço de streaming legal.
    .
  • O canal Showtime encomendou recentemente a série I Love This for You, uma comédia cocriada pela atriz Vanessa Bayer (Will & Grace) – em colaboração com Molly Shannon e Jeremy Beiler (ambos ligados ao programa de televisão Saturday Night Live) –  baseada na sua experiência verídica com leucemia infantil. O projeto centra-se na personagem de Joanna Gold (Bayer) e no seu sonho de se tornar na apresentadora de um canal de televendas para se desfazer de rótulos associados ao cancro que venceu. I Love This for You acompanha a sua saída de casa dos pais, o início do seu primeiro romance na vida adulta e a criação de uma amizade sentida com Jackie, uma pessoa que ela idolatra. Todas estas mudanças acontecem dentro de um local de trabalho extremamente competitivo, chefiado por uma bilionária instável e onde se joga sujo para se ser bem-sucedido. Para já, sabe-se que Shannon vai interpretar o papel de Jackie, a estrela do canal televisivo e que o restante elenco incluiu nomes como Paul James (Soundtrack), Ayden Mayeri (Grace and Frankie), Matt Rogers (Our Cartoon President) e Punam Patel (Special). Cybill Shepherd (The Client List), inicialmente escolhida para contracenar com Bayer (fazendo de patroa da protagonista), abandonou a aposta e aquele que seria o seu papel continua por atribuir.
    .
  • Souls, uma série alemã desenvolvida para o canal Sky, acabou a fase de produção e deverá estrear nos pequenos ecrãs durante o próximo ano. A produtora Geißendörfer Pictures divulgou recentemente stills do thriller misterioso, dividido em oito episódios, e com uma narrativa focada nas histórias de Allie, Hanna e Linn, três mulheres cujas vidas ficam do avesso. Quando o filho de Hanna, Jacob, sofre um acidente aparatoso de carro, o jovem afirma lembrar-se da sua vida passada como piloto de um avião perdido. Esta “jornada emocional da possível viagem de uma alma” é protagonizada por Brigitte Hobmeier (Hanna), Aaron Kissiov (Jacob), Julia Koschitz (Allie) e Lili Epply (Linn). Contudo, o elenco também conta com os atores Aleksandar Jovanovic (Sebastian), Selam Tadese (Eddie), Godehard Giese (Vincent), Abak Safaei-Rad (Emma), Derya Dilber (Mathilda) e Laurence Rupp (Leo).