O lado mais comum de Noah Schnapp
| 12 Dez, 2021

Depois de Millie Bobby Brown, o maior evento de cultura pop do país volta a receber um elemento do elenco principal de Stranger Things, uma série que faz sucesso em Portugal entre as camadas mais jovens da população. Se em 2019 a presença da protagonista da história de ficção científica da Netflix na Comic Con Portugal foi, no mínimo, desastrosa, em 2021 o mesmo não se verifica, com o Golden Theatre do Altice Arena a apresentar a capacidade de lotação necessária para receber o elevado número de fãs de Noah Schnapp.

Espaço EPop Culture – 180º de lusco fusco

O Espaço EPop Culture foi um dos maiores fiascos da 7.ª edição da Comic Con Portugal. Talvez pela falta de publicitação, pela falta de explicação do seu propósito, pela sua localização ou talvez pela fraca prestação do entrevistador escolhido pela organização, Pedro Oliveira, que, depois de brilhar pouco na entrevista no mesmo local a Misha Collins, assim como no painel que acabou por ser moderado pelo próprio ator, voltou a ter uma prestação aquém da desejada.

Para júbilo de muitos fãs que rapidamente se aproximaram, o jovem ator Noah Schnapp caminhou pela curta passadeira vermelha e entrou no cubo de vidro, onde saudou o público e retribuiu os inúmeros “I love you” que lhe eram dirigidos. Esta situação levou ao primeiro momento menos bem conseguido do dia de Pedro Oliveira, que tentou ensinar o Will Byers de Stranger Things a dizer “Eu gosto de vocês” e, logo de seguida, “Amo-te”, referindo, ainda assim, que esta última expressão só deve ser usada em contexto mais íntimo.

Pouco marcante, o diálogo passou por tópicos como “com quem, do elenco, é que o ator se dá mais” e às várias gerações às quais a série chega. Por fim, Pedro Oliveira contou a Noah Schnapp que no dia anterior tinha falado com alguém que não conhecia a série, comentário ao qual o ator não soube muito bem como responder. Rindo constrangido, o jovem perguntou se os fãs teriam a oportunidade de fazer perguntas. Sim, mas apenas no dia seguinte, durante o painel.

 

O lado mais comum de Noah Schnapp

Entre a pequena – tanto em tempo como em conteúdo – entrevista a Schnapp no espaço EPop Culture, o jovem esteve entre fotografias e autógrafos com os fãs. Chegada a hora do painel e a multidão, maioritariamente composta por jovens, começou a juntar-se no Golden Theatre para receber o seu artista favorito.

A entrada de Noah Schnapp no palco do Altice Arena foi ensurdecedora: estremeceu o chão com os gritos, talvez em A-Menor, dos presentes, enquanto o ator se preparava para se sentar à conversa com todos. A moderação ficou a cargo de Inês Mendes e Tiago David, representantes do meio EPop Culture, que deram início ao painel questionando Noah sobre a próxima temporada de Stranger Things. O ator foi pronto a avisar que tinha sido totalmente impedido de revelar qualquer spoiler, mas confessou ter sido a melhor até agora, até porque foi a que lhes levou mais tempo a concretizar.

Ainda antes de se iniciarem as questões do público, Inês Mendes relembrou o ano de 2019, que contou com a presença da atriz Millie Bobbie Brown na Comic Con Portugal, ao que Noah acrescentou que a atriz lhe tinha dito que tinha gostado imenso. O público ficou ao rubro, mas o certo é que o quanto Millie gostou assim tanto da Comic Con Portugal fica por desvendar. Em jeito de dar continuidade à proeza de Pedro Oliveira no espaço EPop Culture, a moderadora ainda tentou ensinar a Noah Schnapp como traduzir Stranger Things para português, com o ator a tentar reproduzir “coisas estranhas”.

Noah revelou ainda que a Netflix foi a primeira plataforma a dizer que sim à ideia da série e, entre momentos que recorda como tendo sido dos mais engraçados, ainda que não os possa revelar porque se referem à 4.ª temporada da série, acrescentou que o elenco adora pregar partidas e que ele e Brown são responsáveis por muitas delas.

Depois de uma palavra de reconhecimento aos pais que viam a série com os filhos, Noah começou a ser abordado pelos fãs nos microfones disponíveis no recinto. Entre imensos “I love you” e “Thank you for being here”, Schnapp confessou que gostava imenso de trabalhar com Tom Holland ou Zendaya. Revelou que a season finale é sempre a parte mais difícil de cada temporada e, até agora, considera o último episódio da 3.ª temporada como um dos mais difíceis de todos e a 2.ª temporada foi das mais difíceis, no geral.

Num momento seguinte, Noah Schnapp foi recheado de amor dos seus fãs, transmitido em forma de gritaria profunda, quando disse que sente que recebe mais amor do que críticas no geral. Aproveitou também para aconselhar uma fã, que revelou ser atriz, na sua carreira, dizendo que manter o foco é o mais importante e que Tom Hanks é o seu role model, almejando chegar aos seus calcanhares. Ainda em tom de brincadeira, confessou que se não fosse ator talvez fosse médico ou astronauta.

Para além de falar sobre a alegria que lhe deu receber o prémio MTV Most Frightened Performance em 2018 pela série, ou revelar que estar com presente na Comic Con Portugal era algo que não imaginava, Noah ainda confessou que adora encontrar-se com fãs na rua e que é das coisas mais especiais para ele. Para surpresa de uma fã, ainda se juntou ao Altice Arena inteiro a cantar-lhe os parabéns.

Já a chegar ao término do painel, o ator ofereceu alguns brindes aos fãs que participaram num concurso que foi feito no momento. O próprio ficou responsável por eleger os participantes, o que levou a mais um momento de pura histeria entre os presentes com a ideia de se poderem aproximar da estrela. Foi visível, nesse momento, que manter a multidão de fãs sentados nos seus lugares foi um trabalho extremamente extenuante para a equipa de segurança presente, que pediu a intervenção dos moderadores do painel.

Num painel marcado por gritos a plenos pulmões e constantes declarações de amor ao ator, ficam pouco mais do que histórias comuns de um rapaz a quem não foi dada a oportunidade de partilhar, realmente, o outro lado de Noah Schnapp.

Beatriz Caetano, Joana Henriques Pereira e Raul Araújo.

Publicidade

Populares

minx sugestão

obi-wan kenobi

Recomendamos