Sugestão do Mês (Agosto) – Downton Abbey
| 31 Jul, 2014

Downton Abbey vai alcançar este ano a 5.ª temporada, já foi vencedora de Emmys e Globos de Ouro para Melhor Mini-Série, é aclamada pela crítica, mas está longe de atingir a popularidade que algumas séries alcançaram. No entanto aqui pela equipa do Séries da Tv temos grandes fãs da série e este mês vamos dar a conhecer mais sobre ela.

Sinopse: A história ocorre na abadia de Downton e decorre no início do século XX, no período que antecede a Primeira Guerra Mundial. Centra-se numa família da aristocracia britânica e seus criados, mas não é apenas uma série sobre o dia-a-dia de uma casa, mas também sobre eventos e lutas marcantes do século. O naufrágio do Titanic, o envolvimento da Inglaterra na Guerra, a pandemia da Gripe Espanhola que se estima que tenha morto mais de 50 milhões de pessoas em todo o mundo, sem esquecer também algumas questões de emancipação feminina são alguns exemplos. Tudo isto enquanto conhecemos melhor a relação entre a família, entre eles e criados e sobre toda a sociedade inglesa da altura. Para quem gosta de séries de época, esta será certamente uma boa aposta.

Eis o trailer da primeira temporada:

.

Agora vamos apresentar alguns dos personagens mais relevantes, para que os possam conhecer melhor:

.

downtonabbey_main-420x0

Violet Crawley (Maggie Smith): A Condessa Viúva de Grantham é a mãe de Robert. Ela vive na vila, mas é presença assídua em Downton. É muito próxima do filho e adora as netas. Apesar da sua atitude um tanto snobe, tem um coração bondoso tanto em relação à família como aos empregados. Inicialmente não vê com muito bons olhos a chegada de Matthew e Isobel à família, mas acaba por aceitar os dois.

.
Robert-Crawley-downton-abbey-25344870-800-449

Robert Crawley (Hugh Bonneville): Robert tem o título de Lorde de Grantham e é o patriarca dos Crawley, uma família quase só de mulheres. Teve um casamento arranjado com Cora para salvar a Abadia de Downton, mas rapidamente os dois se apaixonaram e fomentaram um casamento feliz. É um homem conservador, mas com um bom interior, que ama as filhas e a mulher e presa o bem estar dos criados.

.

season2_characters_slideshow_cora_01

Cora Crawley (Elizabeth McGovern): Cora é a única personagem americana da série e é filha de um multimilionário de Ohio. Tendo crescido nos Estados Unidos, tem uma personalidade mais aberta e menos conservadora em relação às mudanças. Talvez se possa dizer que é um pouco ingénua, porque tem dificuldade em ver o mal nos outros e é uma mãe sempre atenta e preocupada com a felicidade das filhas.

.downton-lady-crawl_2036084c

Mary Crawley (Michelle Dockery): Lady Mary é a filha mais velha de Robert e Cora. No início da série tem 21 anos. Se ao início Mary tem uma atitude fria ao longo dos episódios, isso deve-se muito à sua relação com o primo Matthew Crawley. Ela e o jovem advogado não se dão bem nos primeiros episódios devido à diferença de classes. Tal como o pai, também Mary é muito dedicada a Downton, chegando mesmo a estar noiva de Patrick, um primo e suposto herdeiro da mansão, que acabou por morrer no desastre do Titanic.

.

edith-729-620x349

Edith Crawley (Laura Carmichael): Edith é a filha do meio dos condes de Grantham. Esse facto faz com que seja por vezes a mais ignorada das irmãs e por a sua personalidade não sobressair tanto como a de Mary ou de Sybil. Todavia, apesar de ter uma boa relação com a irmã mais nova, o mesmo não se pode dizer em relação a Mary. As duas andam constantemente às turras, muito pelo facto de Edith ter amado Patrick, ao contrário da irmã.

.

Lady-Sybil-Crawley-the-crawley-sisters-31850308-460-276.

Sybil Crawley (Jessica Brown Findlay): Sybil é a mais nova das irmãs. Das três, ela é a que mais está envolvida na política. Ela mantém-se bem longe dos desentendimentos de Mary e Edith e dedica mais o seu tempo a olhar para o futuro e a fugir das restrições às mulheres da altura (nomeadamente é a favor do voto das mulheres)  e a que vai mais longe para ser feliz e atingir os seus ideais.

.

season2_characters_slideshow_matthew_01

Matthew Crawley (Dan Stevens): .Matthew viu a sua vida virada do avesso ao receber uma carta do seu primo em terceiro grau, o Lorde de Grantham. Ele era um advogado de Manchester que levava uma vida pacata e longe do luxo que era Downton e vai demorar algum tempo para se habituar à sua nova vida. A família não o recebe efusivamente, mas a personalidade simples e encantadora de Matthew vai conquistando, aos poucos, todos os habitantes de Downton, mesmo aqueles que se recusavam veementemente a aceitá-lo.

.

sugestão mês downton abbey

Charles Carson (Jim Carter): Mr. Carson é o mordomo da família, o chefe dos criados, um homem muito zeloso do seu trabalho e preocupado em passar isso aos que estão abaixo dele. Parece muito severo e durante a maior parte do tempo pode sê-lo, mas tem sempre uma postura muito correcta e é um homem de princípios morais. Tem uma afeição muito grande pela família Crawley e em especial por Mary e Sybil.

.

phyllis-logan_114138

Elsie Hughes (Phyllis Logan): Mrs. Hughes é a governanta da casa e a responsável pelas criadas do sexo feminino. À semelhança de Carson, também ela leva o trabalho muito a sério, também ela parece dura, mas a verdade é que tem um excelente coração e sempre apoiou os criados em tudo o que precisaram. Isto foi especialmente visível nesta quarta temporada, com Anna.

.sugestão mês downton abbey

John Bates (Brendan Coyle): A chegada de Bates a Downton causou tanto impacto nos criados como a de Matthew nos Crawley. Ele é amigo de Robert e chegou à mansão para ocupar o lugar de valet do dono da casa. Não é visto com muito bons olhos pelos outros empregados, que temem que Bates não consiga fazer o trabalho por ser coxo.

.

sugestão mês downton abbey

Thomas Barrow (Rob James-Collier): É um dos criados de Downton, um homem ambicioso e sempre interessado em saber os podres dos outros, para os usar a seu favor quando assim lhe aprouver. Não é muito querido por alguns dos criados devido à sua personalidade, mas é um bom criado. É gay, algo que era um completo tabu na época e serviu a Inglaterra na I Guerra Mundial, mas feriu-se propositadamente para ser enviado de volta para casa. Pode não ter grandes lealdades além dele próprio, mas possui um grande respeito e admiração por Sybil.

Para quem já acompanha a série, resta esperar pela 5.ª temporada. Para quem está a pensar começar a ver, apressem-se, vale a pena!

Publicidade

Populares

a league of their own

Recomendamos