Já aqui tanto falámos das nossas séries preferidas, de outras que foram uma desilusão, mas desta vez vamos fazer uma coisa diferente: falar de séries que nunca vimos. E não, não estamos malucos! Vamos falar de dez séries que dois de nós, aqui da equipa Séries da TV, ainda não vimos, queremos muito ver e explicar-vos quais os motivos. [Um de nós escolheu duas séries que por acaso o outro já viu e recomenda entusiasticamente]. Aqui seguem as escolhidas:

.

agents
Agents of Shield: Como amante de aventuras da Marvel, é quase um crime não seguir esta série e a culpa foi a falta de tempo quando ela estreou. É certo e sabido que seriólico que se preze adora maratonas, mas elas requerem tempo, algo que nem sempre conseguimos arranjar. Desde daí, por não ter visto a série, acarreto o sentimento de culpa de perder as fantásticas aventuras de S.H.I.E.L.D e companhia. Para ajudar a toda a minha vontade de seguir esta série do universo Marvel, dizem que esta última temporada está qualquer coisa… Confirmam?

.

6773829-band-of-brothers-wallpaper

Band of Brothers: Esta série aparece em primeiro lugar das mais bem cotadas do IMDB. Isso já é um grande feito, mas não é só por esse motivo que quero vê-la. Costumo interessar-me por tudo o que tenha a ver com a Segunda Guerra Mundial e esta série acompanha uma companhia de militares do exército americano que se encontram na Europa, o centro da guerra. Com o selo de qualidade que costuma estar associado ao trabalho de Spielberg e Tom Hanks, tem tudo para ser uma grande série. Além disso, Band of Brothers inclui também algumas imagens dos acontecimentos reais que inspiraram esta adaptação do livro de Stephen E. Ambrose.

.

Banshee
Banshee: Um ladrão profissional com excelentes habilidades nas artes marciais, que assume a identidade de um xerife da pequena cidade de Banshee, mantendo a sua atividade criminal nos tempos livres. Esta é daquelas séries que só a sinopse cativa, ainda por mais tenho colegas que falaram maravilhas da mesma e, para terminar, assume-se com muita pancadaria, cenas de ação e paixão intensas e poderosos efeitos especiais que lhe deram direito a um Emmy. Como fã de séries policiais, estou em falha para com Banshee e sendo agora a última temporada, acho que farei uma maratona em breve!  Aproveitem e conheçam mais sobre a série com a nossa sugestão do mês de abril!

.

Harpers_Island_poster
Harper’s Island:
A culpa em parte é da Diana. Sim, ouvi falar da série muito vagamente e nunca me interessei, mas a opinião muda assim que nos apresentam motivos justificados para tal. Elenco variado, uma temporada, treze episódios, vinte cinco suspeitos, um assassino, mortes em todos os episódios e tudo se revela no último. Porque raio é que ainda não vi esta série? Perguntam bem, mas eu também não sei responder. Se a vontade já era muita, depois de escrever este pequeno texto, acho que já sei como vou passar as próximas folgas.

.

Person of Interest
Person of Interest:
Se eu vos confessar que vi os primeiros episódios da série e não me disseram nada, acreditam? Como não gostei, não continuei a ver. Erro quase fatal, podem apedrejar-me, é justo! Não precisa de apresentações, foi considerada por muitos uma das melhores séries feitas até hoje, elenco de luxo com uma envolvência de outro mundo. Mas esperem lá, como é que sei que é envolvente se não gostei? Pois bem, não gostei na altura, mas vi, à vontade, mais de 20 episódios soltos de várias temporadas, culpa da FOX, e arrependo-me profundamente de não ter feito um esforço para continuar na altura. Agora, a missão é ver tudo desde o começo e sei que não me vou arrepender.

.

PRISON BREAK 1
Prison Break: Esta é para rir, já que no meu círculo de amigos  sou dos poucos que não viu a série. Na altura da estreia foi um fenómeno televisivo, aliás, para mim e para milhões, certamente, era uma das três grandes séries dessa altura e, por sinal, vi as outras duas: 24 e Lost. Porque fui eu deixar esta de fora? Não sei, falta de tempo? Bem, confesso que vi alguns episódios na RTP, mas já não me recordo de nada e sendo uma série de culto, merece ficar no meu portefólio. A juntar a toda esta culpa de não ter visto uma das grandes séries da altura, fico ainda mais pressionado ao saber que este ano Prison Break está de volta com nove episódios. E sim, eu sei como terminou a série e mesmo assim quero ver! Estranho, não?

.

Six_Feet_Under_a_l

Six Feet UnderNo centro da história desta série temos uma família proprietária de uma casa funerária. Aqui está algo original! Com um elenco de luxo que inclui nomes como Michael C. Hall, Peter Krause e Rachel Griffiths, a série aborda a mortalidade humana, um tema que ainda é um pouco tabu na nossa sociedade. Já há muitos anos que tenho curiosidade em ver Six Feet Under, principalmente depois de ter lido, repetidas vezes, que a série tinha tido um final brutal de levar às lágrimas. Sou da opinião que uma série boa pode ser destruída por um mau final, mas acho também que uma série não tão boa pode ganhar pontos com um final decente. Em relação a esta, espero, não apenas uma boa série, como um final à altura.

.

Sons of Anarchy: Há séries que, à partida, não são muito o meu género, mas que, apesar disso, me chamam à atenção. Parte da culpa disto são as boas críticas que ouço, mas por vezes há mais qualquer coisa. Tenho muita curiosidade em conhecer a dinâmica deste grupo de motards, que me parecem estar sempre envolvidos numa série de atividades ilegais. Tenho a sensação de que Sons of Anarchy é daquelas séries que me vai prender ao ecrã do princípio ao fim.

.

Sopranos

The Sopranos: Aqui há uns tempos deu-me para começar a ver filmes ligados à máfia e não é que até gostei? The Godfather é um bocado longo de mais e o meu irmão disse que eu não ia gostar, mas até não desgostei, só acho que o filme podia ser um pouco mais curto. Já o Goodfellas adorei, principalmente a primeira metade. No entanto, não se pode falar em máfia sem imediatamente fazermos uma associação a The Sopranos. Aclamada pela crítica, com um bom elenco (Gandolfini e Lorraine, estou a olhar para vocês) e centrada na verdadeira ‘instituição’ que representa a máfia italiana, estou quase certa de que vou adorar. Espero muita ação e muitas mortes!

.

wire

The Wire: O nome desta série aparece constantemente ao lado de Breaking Bad quando os críticos discutem qual a melhor série de televisão de sempre. Se Breaking Bad não captou a minha atenção quando vi os primeiros quatro ou cinco episódios, espero uma reação diferente face a The Wire, sobre a qual, para ser sincera, sei muito pouco. A única coisa que sei é que já há vários anos que penso começar a vê-la! No entanto, primeiro quero despachar todas as séries de uma temporada que tenho em lista de espera. Afinal de contas, The Wire tem cinco temporadas, não se consegue ver numa semana.

Diana Sampaio e Ricardo Santos