Hawaii Five-0 – 05×07 – Ina Paha
| 12 Nov, 2014
5x07 - Ina Paha

5×07 – Ina Paha

Esta semana presenteou-nos com a chegada do centésimo episódio de “Hawaii Five-0”. Os vossos corações aguentaram? Prometo que o meu não…

CONTÉM SPOILERS.

Chegados ao episódio 100, Hawaii 5-0 trouxe-nos de volta Wo Fat. Quem já estava mais que ansioso por este regresso?!

Logo no início do episódio, McGarrett é raptado – não se sabe à partida por quem mas desconfia-se, claro – e levado para um armazém recondido. Quando McGarrett acorda, não se sabe bem onde ele está. Aliás, ele próprio não sabe onde está! Mas aparentemente, está a ser levado para uma realidade completamente diferente… Estavam preparados para isto? Eu não!

A primeira cena da série é-nos recontada de outra perspetiva. Steve está em missão, transporta Anton Hesse e recebe uma chamada do seu pai, que acaba por ser Victor Hesse do outro lado. A mesma cena ocorre, Victor ameaça Steve que para que o seu pai sobreviva, Anton também tem que sobreviver e tal qual o início da série – Anton morre ‘em combate’.

Victor apercebe-se logo da situação e prontamente, ainda ao telefone com Steve, mata John McGarrett. Até que… qual não é o espanto quando do outro lado ouvimos a voz de Danny que diz que o seu pai está são e salvo!! Confesso que fiquei muito confusa inicialmente mas depressa deu para perceber que alguma coisa estava errada.

No seguimento deste universo paralelo, Steve volta para casa e procede a visitar o seu pai – atualmente vivo – no hospital e a travar conhecimento com o Danny. E por esta é que eu não esperava: Danny é um completo rendido ao Hawaii e à cultura havaiana

Não sabia se me havia de rir ou chorar quando vi o Danno tão… hawaiano. Para além de Danno, que é casado com Rachel ainda e adora o Hawaii de morte (só não sei como é que não se lembraram da história dos ananázes também para pôr à mistura…), Jerry é um sem-abrigo maluco, Kono é uma campeã de surf, Lou está de férias, Max é médico no hospital e Chin é o capitão do Departamento Policial do Hawaii. Caso para dizer que o mundo está ao contrário!

Mas bom – no universo paralelo de Steve, ele regressa a casa para encontrar todo este cenário e resolver a tentativa de homicídio ao seu pai. Na mesma linha estratégica, ameaça Victor Hesse para lhe dizer quem estava por detrás da dita ameaça e como é que ele descobriu que o Steve estava a transportar o Anton, e descobre claro o nome de Wo Fat.

Entretanto estamos de volta ao mundo real e a equipa H50 apercebe-se que algo estava errado quando nunca mais têm noticias de Steve. Dão com o desaparecimento dele e depressa procuram encontrá-lo, desconfiando que se trata de Wo Fat também.

Ainda de volta ao mundo real, vimos que afinal Steve está amarrado a uma cadeira e está a ser assistido por uma mulher que acompanha Wo Fat – que se dá a aparecer quando Steve volta um bocadinho à realidade.

Entretanto Wo Fat procura respostas sobre o seu pai e, ao pensar que Steve as tem, continua a drogá-lo com uma espécie de sérum para que ele diga a verdade. Parece que este serum é o que lhe está a causar as visões e ele regressa ao mundo paralelo.

Neste mundo paralelo descobre WoFat e a personagem acaba por morrer na realidade fictícia de Steve e Steve reune-se com o seu pai na praia, de regresso a casa, como se nada se tivesse passado. A equipa H50 é algo que nunca chega a acontecer neste universo paralelo, invocando a ideia de que às vezes as coisas mais duras acontecem por uma boa causa (não fosse a morte de John, se calhar H50 nunca teria acontecido!).

A equipa H50 da nossa realidade pede assistencia a San Ming – parece que todo o mundo foi convidado para este episódio! – para confirmar quem estará por detrás do rapto de Steve e depressa confirmam – com a ajuda de Adam Noshimuri e dos seus contactos à custa da família – ser WoFat e conseguem descobrir que este tem um armazém registado sob falso nome e para lá se dirigem.

Nisto Steve volta à real e convence Wo Fat de que não sabe nada do paradeiro do pai. Finalmente convencido, Wo Fat deixa-o ao encargo da mulher que tem estado a ‘cuidar’ de Steve e abre-se a janela para este se escapulir! Wo Fat apercebe-se e toda uma cena de luta intensa acontece, até que WoFat e Steve McGarrett estão cara-a-cara e Steve mata WoFat de uma vez por todas.

Após toda uma cena de sofrimento de Steve a escapar-se da cadeira a que estava amarrado, a equipa aparece para ver ambos no chão. Confesso que quase chorei quando Steve, nesta realidade, pergunta pelo pai ainda meio atordoado com tudo o que se passou.

Mas confesso ainda ter vertido uma lágrima ao ver todas as cenas da série a passar, aos poucos, cena atrás de cena desde a primeira temporada até agora, da H50.

Foi um belo episódio. O culminar de uma saga que a equipa, e todos nós com eles, sofreu bastante.

Foi só a mim que este episódio 100 quase mais pareceu uma ‘season-finale’? Nossa.

Nota: 10/10

Joana Pereira.

Publicidade

Populares

heartstopper

westworld poster

Recomendamos