Chicago Fire com grande baixa no elenco
| 20 Out, 2016

[Contém spoilers! Leiam por vossa conta e risco!]

Depois de duas temporadas, um dos atores principais de Chicago Fire vai abandonar a série e deixar de ser personagem regular. Enquanto a notícia é apresentada como o culminar de uma briga de longa duração entre essa personagem e outra na série, a razão para a despedida desta personagem advém de uma lesão.

Durante o último episódio de Chicago Fire, o bombeiro Jimmy Borrelli, interpretado por Steven R. McQueen sofreu uma lesão que pode pôr fim à sua carreira. Borrelli tinha andado a brigar com o chefe do batalhão, Wallace Boden. Convencido que Boden era responsável pela morte do seu irmão, Borrelli perdeu a confiança na liderança do seu chefe e, durante um incêndio, tomou medidas pelas suas próprias mãos e acabou por ficar com queimaduras bastante graves.

Durante uma entrevista à TVLine, o produtor executivo da série, Michael Brandt, explicou as razões para a saída de McQueen: “Com a personagem de Jimmy, sentia que este tinha que lutar por aquilo em que acreditava, mas Boden também precisava de lutar por aquilo em que acreditava e essas duas coisas não se conseguiam juntar”. Brandt também afirmou que a hipótese de Boden sair em vez de Jimmy nunca foi considerada, “Eamonn está connosco desde o primeiro dia. Ele foi a primeira personagem que escolhemos. Ele é o Papa Bear em Chicago… Não vai a lado nenhum… Ele é demasiado a nossa pedra”.

Não existe, de momento, qualquer plano para que McQueen regresse com participação especial.

Publicidade

Populares

calendário estreias

freeridge poster

Recomendamos