A Disney+ deu luz verde à série Willow, uma sequela do filme com o mesmo nome, de 1988, do realizador Ron Howard, da Lucasfilm.

Passado um ano dos rumores desta série, a Disney+ finalmente aprova este novo projeto. Esta nova série acontecerá anos depois dos eventos do filme original, realizado por Ron Howard, produzido por um dos escritores do filme, George Lucas, criador da famosa saga de filmes Star Wars e fundadora da produtora Lucasfilm. Este projeto está planeado começar produção no próximo ano. Howard integra também este projeto como produtor executivo, e reencontra-se com Warwick Davis, que mais uma vez interpretará o herói Willow Ufgood.

A série também contratou Jon M. Chu, realizador de filmes como Crazy Rich Asians e In the Heights para realizar o piloto e também para ter o papel de produtor executivo. Jonathan Kasdan (Solo) e Wendy Mericle (Arrow) serão os showrunners.

O filme original segue Willow, que se vê forçado a proteger uma criança especial chamada Elora Danan, de uma rainha do mal, a Rainha Bavmorda (Jean Marsh), por causa de uma profecia que dizia que Elora era quem arruinaria esta rainha. Willow foi ajudado ao longo do caminho por um cavaleiro mercenário, interpretado por Val Kilmer.

“É criativamente empolgante não só reviver o universo e personagens concebidos inicialmente por George Lucas, Bob Dolman e por mim, mas também vê-lo reimaginado de formas tão novas, divertidas e cinematográficas através da imaginação de Jon Kasdan e de toda a equipa do projeto”, comentou Howard. “Não se trata de um retrocesso nostálgico, mas sim de um avanço criativo, e é com grande entusiasmo que faço parte de todo o processo.”

A Lucasfilm será uma das produtoras de Willow, que representa o primeiro projeto fora do universo Star Wars da empresa desde 2015. A série irá apresentar todos os novos personagens, ao universo mágico onde habitam desde fadas a monstros Eborsisk de duas cabeças.