Nesta altura os canais de televisão encomendam pilotos para avaliação. Pilotos esses que se tornarão algumas das próximas séries das respetivas cadeias de televisão.

Vamos conhecer mais alguns:

Da ABC Family chegam-nos duas comédias: Kevin From Work e Tough Cookie.

abcfamily

Em Kevin From Work, vamos conhecer um jovem que se declara a uma colega de trabalho, pensando que nunca mais a verá, uma vez que ela aceitou uma proposta de trabalho longe dali. Só que afinal as coisas não avançam nesse sentido. A proposta da rapariga é retirada e sem outra hipótese, ela tem de continuar a trabalhar ali. Assim os dois vão ter de aprender a trabalhar um com o outro.

Tough Cookie pretende mostrar que as famílias podem ser muito convencionais. A história foca-se numa jovem mãe que não está pronta para desempenhar esse papel e na filha que não a quer como mãe. Será que a comunidade será capaz de ajudar esta mulher a criar a filha ou será a filha a ensinar algo aos que estão à volta dela?

Quanto à CBS, temos mais quatro apostas em cima da mesa: The Half of It, LFE, Sneaky Pete e For Justice.

CBS

A comédia The Half of It vai-nos apresentar um pai recentemente divorciado que se apercebe que metade das coisas a que tem direito com a separação são bem mais do que tudo o que tinha antes de ser casado.

LFE é mais uma aposta no já muito explorado campo das séries médicas. Tudo se centra em residentes do 2.º ano de um hospital de renome em Nova Iorque que tentam balançar a sua humanidade com os seus complexos de Deus, típicos de uma profissão em que a vida e a morte andam de mãos dadas.

Sneaky Pete tem a mão de Bryan Cranston e foca-se num homem na casa dos trinta anos, acabado de sair da prisão que decide assumir a identidade do seu colega de cela para fugir das pessoas a quem deve dinheiro. Vai aproveitar-se do seu charme e de capacidades que aprendeu na prisão para deitar abaixo tipos bem piores que ele. Ah, e com a ajuda uma mulher bastante atraente que desconfia dos seus verdadeiros motivos.

Por fim, temos For Justice, baseada no primeiro livro de James Patterson, “The Thomas Berryman Number”. No centro da história temos uma agente do FBI que trabalha no Departamento de Secção Criminal da Divisão de Direitos Civis. A profissão que ela escolheu e a família radical na qual cresceu não são muito fáceis de balançar, mas ela terá que fazê-lo. Enquanto isso, investiga o caso de um atirador furtivo contratado para matar o primeiro Presidente da Câmara negro de Nashville. Assim começa a caça ao culpado, mas sem que a história esqueça questões raciais e de direitos.