Continuamos a trazer curiosidades sobre as tuas séries favoritas e desta vez vamos dar a conhecer-te algumas sobre Black-ish:

1. De acordo com a conhecida revista The New Yorker, houve uma “guerra de licitação por Black-ish“. Kenya Barris, o criador da série, tinha imaginado levar a série para um canal por cabo de prestígio como o FX, mas acabou por seguir “o dinheiro e a audiência de massas – e a pressão de produzir 24 episódios – da ABC”.

2. Barris revelou que a ABC não gostava muito do nome da série e tentou arranjar outros, como Urban Family ou The Johnsons. No entanto, black•ish – o título é apresentado oficialmente desta forma e não como Black-ish – acabou por resistir a todas as tentativas por parte da cadeia televisiva.

3. Bow Johnson (Tracee Ellis Ross) é inspirada em Rainbow Barris, a mulher de Kenya. Aliás, muito da série vai buscar inspiração à vida do criador. No entanto, Rainbow admite que Black-ish conta muito da vida deles enquanto família, “mas é contado através do ponto de vista masculino. As situações são as mesmas, mas o narrador controla a forma como a situação é vista”. A perspetiva de Rainbow pode ser conhecida no livro Keeping Up With the Johnsons: Bow’s Guide to Black-ish Parenting, lançado em 2018.

4. Tracee mostrou-se muitas vezes contra algumas cenas relacionadas com tarefas domésticas que a sua personagem era vista a fazer. Isto porque a atriz considerava que estavam associadas a estereótipos das esposas e achava que não eram de modo nenhum essenciais para a história.

5. Marcus Scribner, que dá vida a Junior, o mais velho dos rapazes dos Johnson, disputou o papel com Nathan, o próprio filho de Anthony Anderson, que interpreta o patriarca da família.

8. Os gémeos dos Johnson, Jack e Diane, chamam-se assim como homenagem a uma música de John Mellencamp, Jack & Diane, que é uma das favoritas de Kenya e Rainbow.

9. Há um momento no episódio piloto em que  Jack não sabia que Barack Obama era o primeiro presidente americano negro. O mesmo aconteceu com um dos filhos de Barris e a família teve de lhe explicar que Obama era de facto o primeiro presidente negro da sua história.

10. Laurence Fishburne e Jenifer Lewis, que dão vida aos pais de Dre, são apenas 9 e 13 anos, respetivamente, mais velhos que Anderson na vida real.

11. O set de Black-ish aproxima-se o mais possível de uma casa que reflete as pessoas que lá vivem. A arte que vemos pendurada nas paredes dos Johnson é de artistas negros conhecidos e as fotografias dos miúdos são, de facto, fotos da infância dos próprios atores.

Conhecias alguma destas curiosidades sobre Black-ish?