01x14 - T.A.H.I.T.I.

01×14 – T.A.H.I.T.I.

 Este episódio 14 de Marvel Agents of S.H.I.E.L.D. regressa aos ecrãs com o estado comatoso de Skye. A vida dela está em risco e a equipa de Coulson tem que encontrar uma forma de curá-la.

No início vemos um lado protetor da Melinda May que se tem vindo a desenvolver relativamente À Skye quando a agente decide fazer do Ian Quinn, o homem que disparou contra a Skye, um saco de boxe. Coulson entrega a Fitz-Simmons o seu ficheiro de quando esteve no TAHITI pedindo-lhes que o estudem e que descubram uma forma de salvar a Skye.

Entretanto a equipa da S.H.I.E.L.D. Ainda mantém cativo Ian Quinn quando já o devia ter entregue na Suécia, e eis que entra em cena o Agente Garrett (Bill Paxton!!! … Já passou.) e o agente Antoine Tripplet – antigo colega de Ward – que ficam encarregues de levar a cabo a sentença do Ian Quinn. Garrett no entanto também tinha uma especial vendetta contra o Quinn, uma vez que ele também tinha morto três dos seus homens e decide aliar-se ao cativeiro de Quinn até a situação da Skye ficar resolvida e só depois entregar Quinn à agência.

Fitz-Simmons continuam a estudar o procedimento, vendo-se forçados a contactar um dos médicos indicados como estando envolvido no processo TAHITI que desmente, afirmando que nunca tratou o Coulson. Ora, aqui ficamos logo desconfiados: TAHITI é realmente uma cortina de fumo.

Os agentes Garrett e Coulson, agora a trabalhar em conjunto, vão questionar Ian Quinn de uma forma não muito simpática (adorei toda a cena do Bill Paxton aqui, já agora!) relativamente ao Deathlok e à Cybertek onde Ian Quinn acaba por revelar que ele só disparou contra a Skye porque o Clairvoyant lhe mandou. Sugestões sobre quem será estre Clairvoyant? (vá vá, comic book fans, não estraguem a surpresa!) Ou o que é que ele quer? O target dele parece-me óbvio ser o Coulson, mas posso estar enganada.. Iremos saber mais tarde! Mas enfim, regressando ao episódio… A razão pela qual o Clairvoyant mandou disparar contra a Skye foi porque ele não conseguiu ver como é que o Coulson sobreviveu à morte, forçando agora a SHIELD a dar-lhe esse previlégio ao salvar a vida da Skye.

Fitz-Simmons entretanto descobrem que uma droga chamada GH-325 permitiu ao Coulson regenerar as suas células, pelo que acreditam ter encontrado a solução para a Skye. Decidem investigar a fundo e descobrem uma Guest House (vá-se lá saber que a droga se chama GH …) onde o Diretor Fury já tinha estado e fazem a ligação entre as duas, tomando a decisão de partir em direcção a essas coordenadas.

Ward, Coulson, Garrett e Fitz equipam-se para irem à Guest House que fica no topo de uma montanha, incrivelmente inacessível, claro está. Inicialmente tentam entrar a bem, explicando a situação à entrada mas deparam-se com o protocolo de password cuja pergunta é “How was the drive from Istanbul”. Por momentos quase pensei que o Fitz atirasse uma resposta à toa e acertasse mas não. E fiquei curiosa, porque ficámos sem saber qual era a resposta! Lá tiveram que entrar à força, com o Fitz a hackar a porta de entrada enquanto o Ward o Garrett e o Coulson lá fazem as suas acrobacias de disparos e bombas à mistura, muito Marvel-like. Entretanto um dos guardas da Guest House sobrevive e reconhece o Coulson, acabando por lhe dizer que existe um plano de contigência que acciona uma bomba-relógio no edifício. Ward e Garrett ocupam-se de tentar desativar o dispositivo enquanto Fitz procura a droga GH-325. Entretanto, no avião, o estado crítico da Skye piora.

Coulson começa a vaguear pela casa quando acaba por encontrar a sala que ele se recorda ter sido o sítio onde ele foi operado. Entretanto repara numa escotilha com as iniciais TAHITI lá escritas e percebe que por detrás daquela escotilha estão respostas para o seu evento vida/morte e decide entrar, mandando Fitz, que estava ao seu alcance, embora com a droga que entretanto encontrou para levar à Skye.

Entretanto Ward e Garrett descobrem uma forma de sair dali antes da bomba-relógio disparar com Semtex e quando se apercebem que Coulson não está com Fitz, Garrett decide mandar Ward com o Fitz para o avião enquanto ele próprio vai à procura de Coulson. Quando Garrett encontra Coulson, o agente parece ter visto um fantasma e vem aflito a dizer para não darem a droga à Skye. Apercebe-se, quando chega ao avião, que é tarde demais, porque quando ele grita para não lhe injetarem a GH-325 já a Simmons o tinha feito. A Skye tem uma reacção meio taquicárdica mas estabiliza. Já o Coulson não fica muito feliz por isso e toda a equipa estranha a reacção.

Garrett e Trip vão buscar o Quinn, agora que a missão ficou cumprida, dizendo-lhe que têm a sua confissão e que ele vai sofrer as consequências. Num outro plano, a May pergunta ao Coulson porque é que ele não queria administrar a droga à Skye e ele mente, dizendo que não queria que ela sofresse como ele. Logo a seguir vemos uma cena do Coulson da Guest House a abrir a escotilha e a descobrir uma camara na parede que puxa e onde conseguimos ver um corpo azul, com características humanas e garras, de onde aparentemente estavam a retirar a GH-325. E… fui sou eu ou aquilo é um lobisomem? Porque oh-meu-deus, garras e um componente regenerativo? Claramente lobisomem. Ou qualquer coisa de um qualquer reino de Jotunheim com características similares, acho eu. Anyway, mal posso esperar para saber!

Na última cena vemos um casal acabado de casar no meio do deserto em Death Valley a sair de um motel. A mulher vai lá dentro fazer o checkout enquando o homem fica cá fora para por o carro a trabalhar até ser abordado por uma mulher com um vestido muito Asgardiano que o faz jurar -lhe lealdade e levá-la onde ela quiser, ao que arrancam ambos no carro dele. Esta mulher vai pelo nome de Lorelei.

Resumindo:

  • Um episódio que podia ter sido sobre a Skye foi completamente transformado para mais um episódio em torno do Coulson e do TAHITI. Chato. Gostava que o episódio tivesse sido dedicado a ela.
  • Bill Paxton!! Bill Paxton. Bill Paxton.
  • Agora a sério. Teorias. Quem raio será o Clairvoyant?! Já li algumas teorias mas prefiro esperar p’ra ver… Diz que vamos descobrir ainda esta temporada!
  • Continuo a achar que aquela droga envolve lobisomens. Não sei se estou mega empolgada ou simplesmente aborrecida porque tudo o que é série agora gira em torno disso. E sim, estou a queixar-me e vejo-as todas ! Ou quase todas…
  • E  já agora, se o Coulson não foi tratado pela S.H.I.E.L.D., quem era aquela gente? Quem é que o terá tratado? Hmm, cheira-me a mundos acabados em ‘-heim’ ou ‘-gard’.

Por isto e tudo o resto…

Nota: 7/10.

 Joana Pereira