Arrow – 03×11 – Midnight City
| 10 Fev, 2015
3x11 - Midnight City

3×11 – Midnight City

CONTÉM SPOILERS.

Ora desde já peço imensa desculpa pelo óbvio atraso da review. Percalços do caminho. Segue-se a review do episódio 11, apenas para não ficarmos sem um comentário!

Oh-meu-deus aquele início do Oliver a sonhar com a Felicity é uma dor de alma! Podia ter sido um momento tão bom entre os dois mas acabou por ser uma realidade muito dolorosa. Especialmente acompanhado de um episódio que promove um bocadinho a relação Ray e Felicity…

Enfim. Passemos ao que interessa!

A construção da Laurel Lance como Black Canary está a ser muito bem conseguida! Depois de uma temporada inteira a arruinarem a personagem, acho que finalmente conseguiram fazer dela alguém importante e com garra como ela precisa!

A ausência de Oliver Queen na cidade causa o completo caos. Assim não é à toa que lhe é dada a pista de que ele precisa realmente de se preocupar com o que tem acontecido à cidade no tempo em que ele é dado como desaparecido – e para quem o conhece, morto – apesar de termos tido boas surpresas.

Este é um episódio que segue o luto da equipa com o que se passou e funciona como o salto após a desistência. Adorei as cenas entre a Felicity e a Laurel e a forma como a Felicity encontrou propósito na personagem dela para pegar na missão de Oliver e perceber que aquela não é só a missão dele mas passou a ser a missão deles todos.

Ao mesmo tempo a história de Brick está muito bem conseguida: a forma como ele se afirma como o dono e senhor dos Glades na ausência do nosso querido The Arrow é forte o suficiente para deixar a cidade em pânico, ameaçando a segurança de todos inclusivé. Brick obriga a Presidente da Câmara a retirar as forças policiais dos Glades e passa a ser a missão da ‘Team Arrow’ de salvar o dia!

Assim é que este é o episódio que marca a equipa sem o Oliver como o seu líder mas como uma equipa coesa e capaz de ultrapassar a morte dele para reparar a cidade que tanto anseiam em proteger. Neste momento fica a dica da Felicity, que acredita que aquilo que eles fazem deixou de ser pelo Oliver, ou pelas pessoas que tenham perdido durante a sua cruzada, mas por aqueles que ainda estão vivos e precisam deles.

Nisto resta-nos falar de Oliver, que continua vivo e está a ser tratado por Tatsu. Este episódio elucida-nos na razão pela qual Maseo – ou Sarab, agora – ajudou Oliver, correndo o risco de trair a Liga dos Assassinos. Em Hong Kong, Oliver foi responsável por ajudar Maseo quando a vida de Tatsu estava em risco, deixando Maseo em dívida para com ele. Assim é que esta é a forma de Maseo de saldar a sua dívida, ficando só a pergunta de porque raio é que ele acabou enrolado com a Liga dos Assassinos!

Nota: 8/10

Joana Pereira.

 

Publicidade

Populares

heartstopper

westworld poster

Recomendamos