Crossbones – 01×01 – The Devil’s Dominion
| 02 Jun, 2014

Gostam de piratas? Então cá está a review de mais uma série que gira em torno dessa temática! Vou começar por explicar sinteticamente em que consiste Crossbones… Nos inícios do século XVIII, as Bahamas eram conhecidas como o lar da pirataria. Tom Lowe, um médico-cirurgião-marinheiro-espião, é incumbido de proteger o aparelho (cronómetro de longitude) de Mr. Nightingale, impedir que ele caia em mãos erradas e, se for capturado, tem a missão adicional de matar o pirata Edward Teach, mais conhecido como o temível Barba Negra… Lowe é capturado e passa a conviver com os piratas na sua base secreta, na ilha de New Providence. Vai Lowe conseguir concretizar a sua missão? Para saberem isso têm de assistir aos dez episódios encomendados para esta série! A partir daqui podem ser “envenenados” com spoilers!

Sabendo a sua missão, Lowe embarca como cirurgião do navio HMS Petrel que parte da Jamaica  e tem como destino Inglaterra… A carga mais preciosa que transportam é o cronómetro de longitude, o seu inventor e o manual de construção do aparelho que foi escrito em código. Com este aparelho, a Inglaterra iria reforçar o seu poder, tornando-se a rainha dos mares! Mas afinal para que serve? Muito simples: com este aparelho, qualquer navio irá conseguir obter a sua localização com precisão, evitando que se perca! A viagem decorre com normalidade até que é avistado um navio pirata… Começa o confronto! Lowe abandona o seu posto de cirurgião, mata alguns piratas e vai até Nightingale… Envenena-o, destrói o cronómetro e pega fogo ao manual…

Chegados a New Providence, Lowe e o assustadiço Fletch conhecem o Comodoro Barba Negra e conseguem mais uns dias de vida, porque o cirurgião é o único que sabe a cifra que traduz o manual de construção do cronómetro de longitude! Quem não gosta muito da ideia é Selima, a perita em decifrar puzzles que trabalha para Barba Negra que, de noite, tortura Lowe para obter a tão desejada cifra… A sorte dele foi Fletch ter ido interromper a orgia de Barba Negra, que chegou e prontamente interrompeu a ação de Selima.

Entretanto há uma cena que deixou muitas questões no ar! A dores de cabeça e alucinações de Barba Negra… Confesso que não estava à espera! Também adorei a sessão de auto-acupuntura com que ele se medicou, muito à frente do seu tempo!

Lowe tem de pôr o seu plano em marcha! Para isso vai até casa de Kate, fugida de Inglaterra por ter sido acusada de alta traição, rouba a chave do armazém onde estão os bens confiscados do HMS Petrel… Mas Kate chega e, como até tem bom coração, devolve a Lowe a imagem da sua falecida esposa… Mais tarde ficamos a saber que ele nunca foi casado, foi apenas um estratagema usado para esconder o veneno para matar Barba Negra…

Engenhosamente, Lowe envenena as páginas do manual de construção do aparelho e Barba Negra cai na armadilha! Quando Lowe e Fletch estão a fugir, reparam que Nenna, a mando de Selima, está a negociar com os espanhóis! Não há tempo a perder, ambos regressam e Lowe salva Barba Negra, não antes de ser atingido no ombro por um tiro de Selima!

Momentos finais: Barba Negra recupera e fica agradecido/desconfiado por Lowe o ter salvo… Barba Negra manda construir o cronómetro de longitude… Lowe vai nadar com Kate…

A minha opinião… O episódio tem um enredo consistente, mantendo alguns enigmas e apresentando bem o elenco principal. Pouco se passou neste episódio, todavia, a descrição pormenorizada dos acontecimentos não se tornou enfadonha. Agora a parte negativa: embora tenha gostado, julgo que falta algo (não sei bem explicar o quê) para o enredo ser mais atrativo! Por seu lado, John Malkovich não me convenceu no papel de Barba Negra… E depois há outro aspeto, em comparação com Black Sails, Crossbones fica a perder!

Deixo-vos aqui algumas perguntas que gostava de ver esclarecidas:

– Lowe facultou as verdadeiras instruções do cronómetro de longitude?

– Houve “faísca” entre Lowe e Kate?

– Lowe é o único a querer matar Barba Negra? Julgo que Selima e Nenna  também andam a conspirar contra ele…

– Lowe vai tornar-se “best friend” de Barba Negra?

Nota: 7/10

Rui André Pereira

Publicidade

Populares

she hulk poster

Recomendamos