Room 104 – 01×01 – Ralphie (Piloto)
| 31 Jul, 2017

“One Room. Infinite possibilities. Every guest has a story.”

Nova série de antologia dos Duplass Brothers, Jay e Mark (criadores de Togetherness e Animals, também da HBO).

A série tem lugar no quarto 104 (tal como o nome indica) de um hotel, no qual vamos acompanhando diferentes hóspedes, nada parecidos entre si e com histórias de vida completamente diferentes. E cada um dos episódios é acompanhado de um género televisivo diferente.

Neste primeiro episódio temos terror, numa simples noite de babysitting. Meg (Melonie Diaz) é contratada para tomar conta de Ralph (Ethan Kent ou Gavin Kent, já vão perceber) e o que parecia uma tarefa simples e mais uma noite calma acaba de forma um tanto ou quanto pesada.

Ralph está fechado na casa de banho do quarto e recusa-se a deixar Meg entrar. Com alguma insistência lá sai e conta o porquê de não deixar Meg entrar. Ralph conta que Ralphie (mas quem é Ralphie? Não era só um miúdo?) está fechado na casa de banho e é bom que não saia para não criar problemas, pois “he’s kind of bad”.

Depois de uma noite aparentemente calma e divertida, Ralph prepara-se para dormir, mas Meg decide chamar por Ralphie (já que pensa que ele é apenas uma imaginação de Ralph). Isto deixa Ralph bastante alterado e preocupado. Ralph volta a entrar na casa de banho para tentar acalmar Ralphie. Neste entretanto, Ralphie decide sair da divisão apenas de cuecas e uma capa. Ralphie não é mais do que Ralph, mas numa versão totalmente alterada e maléfica, a tentar atacar Meg, mas sem sucesso, voltando para a casa de banho.

Ralph volta então e, sem sono, decide contar a Meg sobre a morte da mãe. Ralph conta que foi Ralphie que a matou e Meg avisa-o que não quer continuar a brincar a este jogo, mas “this isn’t a game”.

Com esta discussão, Ralphie volta a “acordar” e Ralph vai novamente para a casa de banho. Mas desta vez ouvem-se sinais de luta entre os dois.

Acabam por sair de lá os dois (afinal são mesmo dois! Não é só o Ralph de cuecas e uma capa?! Ralphie existe mesmo, daí identificar dois atores anteriormente; eles são gémeos) e continuam a lutar cá fora, com Ralphie a sufocar Ralph. Depois de matar Ralph, persegue Meg, que acaba por matá-lo. Neste exato momento, entra o pai de Ralph e temos acesso à sua visão: Meg em cima de Ralph, já morto e sem mais ninguém no quarto. Afinal era só um!?

Para primeiro episódio não é espetacular, mas são vinte minutos fáceis de ver, que não me deixam a pensar que foi uma completa perda de tempo. Como cada episódio conta uma história diferente e com protagonistas diferentes, pode melhorar bastante e pelas críticas por essa internet fora parece que há episódios que valem bastante a pena! Por isso, mesmo que este primeiro não seja de encher as medidas (e a classificação que dou é apenas a este episódio e não à série e ao que ela nos pode vir a dar nos próximos episódios), a série deve ser acompanhada para ver o que mais pode proporcionar e, tendo em conta que também cada episódio tem no máximo trinta minutos, não será de descartar à partida.

Em Portugal a série é transmitida pelo TVSéries em simultâneo com os EUA.

David Pereira

Publicidade

Populares

calendário estreias

freeridge poster

Recomendamos