A Netflix cancelou as séries GLOW e Teenage Bounty Hunters.

Em agosto do ano passado, GLOW tinha sido renovada para uma 4.ª temporada que seria também a última, mas a decisão foi agora revertida devido à pandemia. A produção da série teve de ser interrompida em meados de março, com apenas um episódio completo, após três semanas de filmagens.

Em comunicado, as criadoras da série, Liz Flahive e Carly Mensch, explicaram o porquê de esta decisão ter sido tomada. “A COVID matou seres humanos reais. É uma tragédia nacional e devia ser o nosso foco. A COVID, aparentemente, também acabou com a nossa série. A Netflix decidiu não terminar de filmar a temporada final de GLOW. Foi-nos dada a liberdade criativa de fazer uma comédia complicada sobre mulheres e de contar as suas histórias. E luta. E agora isso foi-se. Há muitas coisas m****** a acontecer no mundo que são muito mais importantes do que isto. Mas ainda assim é uma treta não podermos voltar a ver estas 15 mulheres juntas […]”

Inspirada numa série dos anos 80, Glow conta a história de Ruth Wilder (Alison Brie), uma atriz desempregada que encontra no mundo do wrestling feminino aquela que é a sua última oportunidade de se tornar famosa.

O cancelamento foi também o destino de Teenage Bounty Hunters, mas ao fim de apenas uma temporada. A notícia chega menos de dois meses depois da estreia.

A série centra-se em duas gémeas adolescentes, Sterling e Blair Wesley (interpretadas por Maddie Phillips e Anjelica Bette Fellini), que se juntam a um veterano caçador de recompensas, Bowser Simmons (Kadeem Hardison), mergulhando no negócio de capturar vilões, ao mesmo tempo que navegam pelos problemas característicos da idade. Para além disso, Sterling e Blair planeiam ser bem-sucedidas em todas estas atividades extracurriculares, apesar do olhar atento da pequena comunidade onde vivem.