A atriz e comediante norte-americana Ginger Gonzaga (Kidding) vai co-protagonizar a nova série produzida pelos Marvel Studios She-Hulk – a ser transmitida pela plataforma de streaming Disney+ -, em contracena com Tatiana Maslany (Perry Mason).

Esta nova aposta, ainda em fase de desenvolvimento, será realizada pela dupla Kat Coiro (Florida Girls) e Anu Valia (First Wives Club), acompanhadas da guionista principal Jessica Gao (Corporate), e promete ampliar o Marvel Cinematic Universe. O projeto trata-se de uma comédia legal centrada na vida da heroína que dá o título à trama (Maslany), conhecida por Jennifer Walters na ficção, na pele de uma advogada com poderes parecidos aos do seu primo, Bruce Banner/The Hulk.

Gonzaga ficará encarregue de desempenhar o papel de melhor amiga de Walters. Apesar de não se saber mais nenhum pormenor quanto à sua personagem, durante o Disney Investor Day, num evento virtual a 10 de dezembro de 2020, ficou confirmado que o ator Mark Ruffalo iria repetir o seu papel na saga  Avengers como The Hulk. Por sua vez, o britânico Tim Roth também irá calçar os sapatos do vilão The Abomination/Emil Blonsky, personagem que interpretou em 2008, no filme The Incredible Hulk, para uma participação nesta aposta futura, determinada a pôr em evidência algum girl power.

Gonzaga entrou no elenco recorrente de duas séries do canal Showtime, ambas produzidas executivamente pelo veterano da representação Jim Carrey – Kidding e I’m Dying Up Here – e obteve ainda papéis regulares nos projetos Mixology, da ABC, e Wrecked, associado à TBS. Na qualidade de apresentadora, teve oportunidade de integrar The Morning After, um programa cómico que abordava temas de cultura pop do quotidiano, tendo também escrito os argumentos de vários episódios.

De resto, os seus créditos mais relevantes incluem a série da HBO Togetherness (exibida entre 2015 e 2016), da autoria dos irmãos Jay e Mark Duplass, e a série Champions, do canal norte-americano NBC, que contou com um total de 10 episódios em 2018. Durante esta pilot season, a atriz integrou o elenco do episódio piloto da série dramática The Cleaning Lady. Contudo, à semelhança de todos os outros projetos em fase de arranque em 2020, este viu o seu início ser adiado. A atriz optou por não dar seguimento à sua participação e acabou por ficar livre para se dedicar a She-Hulk.

Enquanto a Marvel se recusou a comentar esta novidade de elenco, Gonzaga partilhou o seu entusiasmo via Twitter, aproveitando para agradecer a forma como foi acolhida pelo universo criado a partir dos livros de banda desenhada de Stan Lee.

Roth também já se havia manifestado através de uma publicação na rede social Instagram, em dezembro de 2020, dando como certas as notícias sobre a sua adição ao elenco.

Ao que tudo indica, a série deverá estrear em 2022, mas até lá teremos de aguardar por uma confirmação vinda de fontes oficiais.