Numa co-produção entre a RTP e a Televisión de Galicia, Auga Seca chegou aos ecrãs portugueses a 17 de janeiro, obtendo uma boa receção por parte do público em ambos os canais. Agora, a série luso-espanhola foi adquirida pela HBO Portugal e pela HBO Espanha, tornando-se este num acontecimento histórico, não só para Portugal, mas também para a Galiza, sendo a primeira produção portuguesa a fazer parte do catálogo de um streamer internacional e a primeira falada em galego que entra para a plataforma de streaming espanhola.

Protagonizado pela atriz portuguesa Victoria Guerra e pelos atores galegos Monti Castiñeiras e Sergio Pazos, este thriller policial gira em torno do universo do tráfico de armas e as suas ligações com o mundo dos negócios. Os atores portugueses Adriano Luz, Joana Santos, Igor Regala e João Arrais e os galegos Eva Fernández, Paloma Saavedra, Santi Romay, Cris Iglesias e Adrián Ríos são também alguns dos nomes que completam o elenco desta série.

A estreia completa de Auga Seca nos dois serviços de streaming ibéricos está marcada para 1 de abril. Neste momento, a 1.ª temporada completa encontra-se disponível na RTP Play, sendo que podes ler a nossa review do primeiro episódio aqui.

De relembrar que a Netflix portuguesa chegou a ter disponíveis algumas séries e novelas portuguesas, incluindo a série Sal, emitida pela SIC em 2014, mas apenas por um curto período de tempo devido aos direitos de autor.