Classificação

6.5
Interpretação
4
Argumento
5
Realização
8
Banda Sonora

(Alerta spoiler!)

Mais uma sitcom da Freeform. Até rimei! Grown-ish surge como spin-off de Black-ish e Yara Shahidi dá a cara a Zoey Johnson, já conhecida da série-mãe como filha mais velha de Andre ‘Dre’ Johnson (Anthony Anderson), voltando ao que os fãs de Black-ish estavam habituados: muita narração e muitos flashbacks (a julgar pelo que vi em trailers!).

A série cómica é gravada com uma única câmara e conta a história de Zoey e o seu percurso na faculdade. Produzida pela Khalabo Ink Society, Wilmore Films, Cinema Gypsy Productions e Principato-Young Entertainment, com Kenia Barris como criador, esta 1.ª temporada contará com 13 episódios.

Vou ser sincera: nunca vi Black-ish. Adoro sitcoms, mas nunca vi Black-ish. Não estava bem habituada ao estilo desta, sou uma seriólica de Modern Family, Friends e The Big Bang Theory, mas não desgostei. No geral considero um bom argumento e se veem Black-ish vão de certeza gostar de Grown-ish.

Não morri a rir com o episódio, mas considero que tinha piadas inteligentes. Estamos habituados a ter 20 minutos de episódio e chorar por mais, no entanto a meio deste episódio confesso que já estava um tanto ou quanto farta e passo a explicar: achei que a narração de Zoey era chata e pouco “engraçada”, não ficava no ouvido. Nesta questão o argumento não está de todo bem conseguido ou então é mesmo o timbre da atriz que achei irritante (desculpem, é só uma opinião, não estou aqui para ferir suscetibilidades).

Em termos de personagens tinham o seu quê de interessante, apesar de achar que a storyline não puxou muito por elas, e acaba por ser uma das razões pela qual estou disposta a assistir a mais episódios, para ver como se desenrola a ação. Não sei porquê, mas conseguiram plantar em mim o bichinho!

A participação de Anthony Anderson logo no início é um bom começo da história para quem vê Black-ish. Ainda melhor, Andre ‘Dre’ Johnson é um personagem que tem realmente piada. Este capítulo desenrola-se durante uma aula sobre drones quando os personagens Aaron (Trevor Jackson), Naomi (Emily Arlook), Vivek (Jordan Buhat), as gémeas Sky e Jazz (Chloe Bailey e Halle Bailey), que vão ser os amigos de Zoey durante esta jornada, e que, por entre histórias e aparições, não conseguem inscrever-se a tempo em disciplinas que “valham” a pena. Começam precisamente o episódio a criar laços ao contarem o porquê de não terem conseguido inscrever-se noutra aula sem ser aquela (sim, uma aula sobre drones).

No geral considerei uma boa sitcom, apesar de não me colar completamente ao ecrã. Digam-me o que acharam!Já agora, aconselham-me a ver Black-ish?

Margarida Rodrigues