The Crossing – 01×01 – Pilot
| 06 Abr, 2018

[Contém spoilers]

De onde viemos e para onde vamos

Se cruzarmos as palavras aventura, drama e sci-fi com o estúdio ABC há um resultado que vai logo saltar à vista. Qual? A série Lost, obviamente, uma grande razão por que muitos fãs estão curiosos pela nova série de ficção, The Crossing. Para além de Lost, no que toca ao departamento de sci-fi, a ABC também tem feito um excelente trabalho com Agents of SHIELD (Inhumans para mim é como se nunca tivesse existido) e como as expectativas são moderadas para esta sua nova aposta!

Jay Beattie e Dan Dworkin são os criadores da série e não são estranhos um ao outro, tendo já cooperado anteriormente em Scorpion, Revenge, Surface entre outras.

O piloto começa com o que pode ser considerada uma alegoria com as almas penadas perdidas no rio Estige por não terem pago ao barqueiro para as levar no cruzamento para a nova vida após a morte e também nós vemos 500 almas que atravessaram o tempo e espaço só para agora se verem a afogar-se, sendo que apenas 47 irão sobreviver.

Em relação às personagens e atores escolhidos, Steve Zahn parece ter sido um “tiro ao lado”, não dando muita credibilidade dramática e interpretando um xerife que mais se assemelha a um policial novato na maioria dos casos. Natalie Martinez como Reece parece ter potencial, mas terá que se provar nos próximos episódios. E quem impressionou pela positiva neste piloto foi Sandrine Holt no papel da agente Emma Ren.

A realização destaca-se por uma boa cinematografia, em que por exemplo as cenas debaixo de água que costumam ser complicadas estão bastante percetíveis. No entanto, no que toca à maquilhagem, e em particular nos sobreviventes, a série peca, pois os refugiados não aparentam ter passado por nenhuma provação parecendo que acabaram de acordar e puseram um pouco de base.

Um dos grandes pontos negativos que ressalta neste piloto é a banda sonora, que vai do fraca ao inexistente. Desta forma, o trunfo da série baseia-se na sua premissa que, se bem explorada, pode vir a tornar-se muito interessante e quem sabe até mesmo viciante.

“Todo o mundo tem direitos aqui, não importa de onde eles são”, uma afirmação que Caleb em breve irá aprender que não funciona bem assim no tempo da “Longa Paz”. Do enredo neste piloto aprendemos então que estes refugiados vêm do futuro, 180 anos para a frente, e que fugiram de uma guerra considerada pior que o holocausto. Os monstros neste caso foram um novo passo na evolução humana, chamados Apex, e possuem capacidades sobre-humanas. Destes refugiados, pelo menos uma, Reece, já demonstrou ter também ela habilidades fora do comum e fica a dúvida de quantos mais poderão ter capacidades físicas inimagináveis. Serão todos os sobreviventes especiais? Terá pelo menos Leah também estas capacidades? Para intrincar a narrativa é ainda revelado que este grupo não é o primeiro a fugir do futuro para o presente. E quando descobrimos que um dos indivíduos deste grupo inicial é um elemento de elevada hierarquia no Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos questionámo-nos de até que ponto estão estes refugiados enraizados na cadeia do poder. A série tem também uma oportunidade única de explorar esta situação dos refugiados do futuro, dos seus direitos e das suas condições através de uma comparação com a situação presente, criticando a nossa sociedade e fazendo-nos olhar duas vezes para quem está ao nosso lado e onde poderemos nós estar amanhã.

Em suma, o piloto é assim de fácil digestão, mas é também facilmente esquecível, apresentando no entanto potencial para um bom desenvolvimento da história.

The Crossing tem uma previsão de dez episódios iniciais para a 1.ª temporada, mas cujo número pode aumentar consoante a receção da série. A nível internacional esta receção está a ser moderada, com um consenso de críticas a apontar que a série tem o suficiente para que se queira ver o 2.º episódio. Em Portugal a série está prevista estrear no TVSéries a 15 de abril. Não percam e partilhem connosco as vossas opiniões!

Emanuel Candeias

Publicidade

Populares

minx sugestão

obi-wan kenobi

Recomendamos