The Divide – 01×08 – To Whom Evil Is Done (Season Finale)
| 30 Ago, 2014
01×08

01×08 – To Whom Evil Is Done

A season finale de The Divide finalmente chega, juntamente com uma reviravolta inesperada e mais suspense do que em qualquer outro episódio da série!

Depois de perceber que Terry tomou o copo com o seu ADN, Eric, à beira de um ataque de nervos, vai ao seu posto de trabalho à procura de drogas e/ou mais bebida escondidos no seu escritório. Stanley aparece e confronta-o sobre a visita de Terry à casa de Eric e no fim esbofeteia o filho por ter cometido o erro de receber Terry no seu lar.

Christine encontra Adam no hospital cuidando do Clark e pede que tome o copo como prova no tribunal, e quando Adam responde que a prova é inadmissível, Christine implora que faça o teste de ADN para que o próprio Adam saiba que Eric é o assassino dos Butler. O membro da Innocence Initiative oferece-se para acolher Terry no seu apartamento (pois o papá Kucik decidiu proibir o filho de por os pés em sua casa) como a sua supervisora.

No dia seguinte, Page fala com Bobby e arranja-lhe uma tarefa: emboscar Eric usando droga e tentar com que seja submetido a um teste de droga, e assim conseguir legalmente o seu sangue para o teste de ADN. Mais tarde, Page pede a um juiz uma autorização para comprovar que Eric Zale é o culpado, mas o juiz não acredita no que Adam diz e lembra-o que Adam está a tentar reabrir um caso que já tinha ganho. No entanto, o juiz solta Terry e oferece uma chance de inocentá-lo, não se importando com o facto de que o verdadeiro assassino está ainda à solta.

Danny procura antecedentes criminais de Eric e marca encontro com um dos seus informantes, um vendedor/usuário de droga que conhece Eric. De acordo com ele, Eric é a pessoa a quem ninguém confia ou vende droga, pois todos vendedores que interagem com ele acabam no hospital. Daí, Danny conclui que Stanley Zale controla todas as compras do filho. Danny e o informador vão a um bar onde encontram Bobby, que estava à espera do informador para falar sobre o mesmo assunto. Descobrindo que Danny é da polícia, Bobby propõe a Danny que trabalhem juntos para pôr Eric na prisão por posse de droga.

Enquanto preparam a armadilha, Stanley visita Isaiah e ameaça-o. Isaiah agride-o, mostrando-o que não é o capacho de Stanley e não se deixa ser ameaçado por ele tão facilmente. Para quem não gostava de Isaiah antes, tenho a certeza de que agora ganhou muito respeito!

Christine e Stanley encontram-se outra vez, mas desta vez Rosa pede para ser curto e direto. Stanley concorda e dá-lhe a oportunidade de libertar o seu pai na custa da liberdade  de Terry. Christine debate então com um terrível dilema: ajudar o pai ou o amigo Terry. Rosa volta ao bar, fala com Terry sobre a sua proposta e acabam por beijar (outra vez). Christine confessa a Terry de que mentiu sobre a sua testemunha no caso do pai e fala mais uma ve sobre a culpa que sente em relação ao aprisionamento dele. Terry responde que não deve parar de tentar ajudar o pai.

Entretanto, Bobby e Danny vão em frente com a emboscada e conseguem atrair Eric para o bar onde estão. Fingindo ser usuários também, Bobby e Danny fazem com que Zale use droga o suficiente para ser preso. Quando Ambrose, vendedor de droga protegido pela polícia sai do bar, deixando Bobby, Danny e Eric sozinhos. A armadilha corre bem, até que Eric percebe que Danny nunca usou metanfetamina antes, e ataca os dois com uma faca. Eu fiquei genuinamente surpresa com a cena, pois Eric não é muito inteligente, especialmente quando está bêbado e/ou drogado. Ele esfaqueia Bobby tantas vezes e com tanta violência que é quase certo que o problemático, mas engraçado ex-polícia não voltará para a próxima temporada. Danny, porém, ainda pode estar vivo.

Fora do controlo, Eric parece querer começar uma matança, pois mais tarde invade o apartamento de Christine com uma arma e ataca-a, mas não consegue: Terry aparece e dispara na boca de Zale, matando-o.

Christine, com medo de perder tudo o que ela e Danny esforçaram para inocentar Terry, leva o corpo de Eric para a empresa de construção onde trabalha.

Contrariamente do que pensei, a season finale tem um final aberto: Terry foge de Christine (claramente não quer que esteja envolvida no assassinato de Eric) e não se sabe para onde e por quanto tempo até ser preso outra vez e Billie, que durante o episódio agiu com demasiada discrição. Como será que Stanley lidará com a morte do filho, e Rosa com a fuga de Terry?

O episódio foi um bocado apressado, mas bem-feito e imprevisível, principalmente por causa da transformação de Eric Zale; pudemos ver o vilão como verdadeiramente é, e por isso fiquei um bocado desapontada por ele ter morrido em vez de ser condenado e preso pela morte dos Butler. Seria muito mau não renovarem esta série, quero saber o que irá acontecer com as minha personagens favoritas! Billie, Terry e Christine!

 

9.5/10

 

Cátia Neto

Publicidade

Populares

Conversations With Friends

calendário estreias

new amsterdam 5 poster

Recomendamos