Teen Wolf – 04×04 – The Benefactor
| 19 Jul, 2014
Teen-Wolf4x04

4×04 – The Benefactor

Este foi mais um episódio de surpresas e perguntas. Ora tínhamos acabado o episódio anterior com Scott a morder Liam e, consequentemente, a criar o seu primeiro Beta! Este episódio lida, na sua maior parte, com a transformação de Liam e a sua natural resistência a esta mudança. Afinal não é todos os dias que nos transformamos em lobisomens, correcto? Ahah!

É muito giro ver aquela abordagem do Scott e o paralelismo com as cenas de Derek no papel de mentor quando foi a vez de Scott a ser mordido. Aquelas frases de “ (…) The bite is a gift.” e “(…) We’re brothers now (…)” são retiradas do guião de Derek mas, naturalmente, o Liam não é o Scott e o Scott não é o Derek e as coisas não correm bem. Especialmente depois de Scott ter achado por bem amordaçar Liam e enfiá-lo na casa de banho, até Stiles chegar com alguma espécie de consciência.

A importância da amizade entre Stiles e Scott é delineada aqui nas entrelinhas, porque dá a entender que Scott lidou muito melhor com toda esta situação do que Liam graças ao seu melhor amigo super compreensivo. Liam é, muito pouco por acaso, caracterizado como um mártir com alguns ‘anger issues’ e naturalmente de poucos amigos.

Claro que, para complicar o sistema, todo este é um episódio de lua cheia.

Lua cheia significa para muitos dos lobos um momento de sofrimento. Assim é que a nossa querida Malia também está a sofrer com os efeitos da lua cheia, porque ainda não consegue lidar com a pressão do lobo dentro dela a querer transformar-se. Com a ideia de ajudar Malia a passar mais uma lua cheia e Scott a querer fazer de tudo para ajudar Liam, Lydia consegue autorização da mãe para levar para lá os amigos (a mãe, sem a mínima desconfiança, claro).

Uma vez que Liam não quer nada com eles, decidem quem têm que o enganar para o levar para a lake house com eles, ao que a Lydia tem a brilhante ideia de que a Kira é uma kitsune e portanto uma ‘trickster’ ideal. Ri-me, ri-me e ri-me aos molhos com a cena da Kira a descer as escadas em câmara lenta e a ‘esbardalhar-se’ por ali abaixo! Fui só eu?! Genial. Belo quebra-gelo para episódios tão pesados!

É neste episódio que finalmente Malia ultrapassa o dilema da lua cheia e da transformação, claro, com a ajuda de Stiles. Apesar de ser uma Stydia fan até ao fim, estou a gostar muito da forma como o Stiles está a ser uma âncora gigante na vida de Malia, e a destacar-se cada vez mais no âmbito das raparigas ao desapegar-se um pouco de Lydia (no sentido romântico).

Para além de toda esta plot secundária relacionada com a luta dos personagens contra os seus próprios selfs, devemos também mencionar a plot central da história, e portanto o dito ‘Benefactor’ que anda a matar os paranormais de Beacon Hills. Para começar, o trio Derek-Sheriff-Parrish é lindo. Quero muito mais cenas com estes três. É como digo, o Parrish anda a esconder alguma, e ele ainda vai ter um papel muito importante na série. Escrevam o que vos digo!

Entretanto Lydia tem um mental-breakdown porque Liam decidiu por bem convidar toda’gente para a lake house (que está para venda) e fecha-se num quarto, que descobre ser soundproof. Na última review não mencionei – que isto às vezes escrevo demais, eu sei – mas Lydia tem umas anotações estranhas que parecem código d programação, para a qual ela sabe que precisa de uma chave para decifrar. Ora bom, é neste quarto, sem perceber muito bem como ou porquê, que Lydia descobre.

A nossa querida Martin ainda tem muito para descobrir relativamente à sua capacidade banshee. E é natural conclusão deste episódio que Lydia não era a única Banshee da família. Um quarto à prova de som (para os gritos?) onde coisas paranormais – como pessoas e caras a sair da parede – aparecem e lhe dão a chave para decifrar o código?

Hm. A chave, não muito difícil de advinhar, é Allison. Finalmente uma prova de que eles ainda não ultrapassaram a morte da amiga!! Finalmente! Estava a ver que nunca mais. Com esta senha, decifram o código de Lydia que se apercebem ser uma lista de paranormais com números estranhos. O que serão aqueles números?!

No fim do episódio, para surpresa, Chris Argent regressa – YEYEYEYEY – pra ajudar Scott com o dilema do Liam, com a piada de ‘recebi a tua mensagem’ do primeiro episódio. Também para o final percebemos que Gareth e a sua namorada estão envolvidos com o mercenário sem boca – o Benefactor – e que lhe pagam para matar os paranormais.

Entretanto nunca mais ouvimos falar de Kate! Ainda estou muito confusa com estas introduções todas. Cada episódio novo é mais uma variável e estou com algum receio que não consigam dar a volta a tudo.

Mas um fã tem sempre esperança não é?

Nota: 8/10.

Joana Pereira

Já conhecem a página portuguêsa dedicada a esta nossa série? Visitem e botem gosto! Teen Wolf Portugal.

Publicidade

Populares

heartstopper

westworld poster

Recomendamos