Penny Dreadful – 01×03 – Resurrection
| 29 Mai, 2014
1x03 – Resurrection

1×03 – Resurrection

Mais um episódio de Penny Dreadful! Confesso que a espera pelo episódio desta semana foi complicada, embora seja apenas o terceiro, estou completamente e perdidamente viciado! As personagens, o desempenho dos atores, o enredo, a realização e todos os outros elementos relacionados com a série são perfeitos e rigorosos. Caso a qualidade se mantenha, Penny Dreadful constará no top de séries da década… Caso ainda não tenham visto “Resurrection”, não leiam mais desta review! Esta repleta de spoilers…

Boa parte do episódio serviu de contextualização das personagens Frankenstein e do seu “primeiro filho”. Começamos por ver Victor ainda criança e correr num grande e bonito jardim! Que infância tão feliz! Até que tem o seu primeiro contato com a morte: encontra o seu adorado cão (Bradshaw) de estimação morto, já em avançado estado de decomposição (que nojo! Todas aquelas larvas!)… Está Caroline Frankenstein (mãe de Victor) a consolá-lo devido ao choque da morte de Bradshaw… Victor diz à mãe que estarão sempre juntos, e qual é a resposta dela? Começa a tossir sangue sobre o filho e depressa morre! Que morte tão repentina, seria tuberculose, ou envenenamento? Assim que o funeral da mãe termina, Victor admite que a morte nada tem do romântico que lê nos seus poemas! Começa aqui uma nova etapa da sua vida: o fascínio pela relação entre a vida e a morte…

O “first born” de Frankenstein mostra-nos, através de um flashback, a razão pela qual se tornou um monstro impiedoso. Sendo a primeira criação de Frankenstein, ele tem imensas imperfeições: repararam nas cicatrizes grotescas? As de Proteus eram mais lineares e certinhas! Ele “nasceu” sob dores torturantes… Em choque, o criador fugiu deixando a criação sozinha, daí este ter vivenciado o abandono como o primeiro sentimento da sua nova vida. Sem progenitor, ele observou a malvadez da espécie humana pela janela e conheceu as palavras através dos livros de poesia que Frankenstein deixou para trás. Mas ele não desistiu de procurar o seu dono e partiu para Londres, onde foi espancado! Mas, nesta cidade, conheceu o outro lado da humanidade: a generosidade, a compaixão e a amizade! Vendo-o espancado, Vincent ajuda Caliban e dá-lhe emprego no seu teatro, o “Grand Guignol”. Caliban não desiste de procurar o seu progenitor por uma razão: quer uma companheira igual a si para a eternidade!

Também no início do episódio, Ethan tem uma cena escaldante com Brona! Assim que terminam o ato sexual, ela começa a tossir sangue e admite ao seu amante que não tem dinheiro para a medicação contra a tuberbulose…

Vanessa tem uma visão com Mina a suplicar-lhe ajuda… Pelos sons que se ouvem, a filha de Malcom estará no zoo! Durante a preparação do assalto noturno ao zoo, aparece Ethan que pergunta se necessitam dos seus serviços, pois tem de angariar dinheiro (para ajudar Brona)… E assim parte o quarteto – Vanessa, Malcom, Ethan e Sembene – em busca de Mina! No zoo sofrem uma emboscada de lobos que Ethan estranhamente e facilmente controla! Um pouco mais tarde encontram Fenton e aprisionam-no! Este jovem vampiro refere que trabalha para o oculto, faz referências a Amon-rá e Amonet e conhece bem Vanessa…

Malcom envia Sembene à procura de Frankenstein pois necessitam de conhecer a criatura para encontrarem pistas sobre Mina! Victor refere que talvez consigam uma cura para o seu estado e usar essa mesma cura em Mina!

Ethan condena a violência com que Fenton foi tratado e Vanessa responde: “We here have been brutalized with loss; it has made us brutal in return. There is no going back from this moment.” E assim é oficializada a aliança deste quinteto improvável.

Malcom confessa que sabe que o chefe-vampiro quer Vanessa e, por isso, a usou como isco numa tentativa de o capturar…

Fenton está sozinho na cave de Malcom e clama pelo seu amo… Começa a sorrir, supostamente o seu mestre está presente nas sombras…

Mais um episódio terminou! Quero mais! Para além da ação, a contextualização das personagens foi uma constante muito interessante… Adorei!

Questões que me atormentam:

– Vai Victor criar uma esposa para Caliban? Caso não o faça, qual será a reação do seu primogénito? Há quanto tempo Victor criou Caliban? Fiquei com a sensação que Victor não envelheceu… Terá passado pouco tempo ou Victor é também imortal? Aquele contorno avermelhado dos seus olhos é deveras estranho…

– Amon-rá é o vampiro supremo? Isso justificaria a malvadez e o oculto do deus egípcio… Necessita ele de Vanessa para trazer Amonet para junto de si? Caso o casal divino se junte, estaremos perante o fim da humanidade?

– Ethan lidou com grande naturalidade com os lobos… Será ele lobisomem? Será por isso que não teve medo de ser contaminado com a tuberculose de Brona?

– Sir Malcom é daquele tipo de pessoas que não olha a meios para atingir os fins? Iria mesmo sacrificar a sua mais poderosa aliada (Vanessa) para reaver a sua filha?

– Fenton está com alucinações, ou o seu mestre surgiu das sombras na casa de Malcom?

Nota: 9/10

Rui André Pereira

Publicidade

Populares

sas rogue heroes poster

calendário estreias

extraordinary disney poster

Recomendamos