Regé-Jean Page, o quebra-corações da 1.ª temporada do sucesso mundial da Netflix, Bridgerton, não irá voltar para os novos episódios da série. Ainda assim, a série irá contar com caras novas na 2.ª temporada.

O ator ficou conhecido internacionalmente através da personagem Simon Basset, o Duque de Hastings, na 1.ª temporada de Bridgerton. Regé-Jean Page e Phoebe Dynevor deram vida ao casal Simon e Daphne, respetivamente, cujo romance esteve no centro da trama da temporada de estreia da série criada por Shonda Rhymes.

Page não fará, assim, parte do elenco da 2.ª temporada de Bridgerton. O anúncio foi feito pela narradora da série, a Lady Whistledown, na página oficial do Twitter. De acordo com o Deadline, o ator só assinou contrato por uma temporada e o plano sempre foi esse, seguindo a história do primeiro livro no qual a 1.ª temporada de Bridgerton se baseia, The Duke and I, da autoria de Julia Quinn. Nos próximos episódios, a personagem será referida mas o ator não irá aparecer.

A segunda temporada de Bridgerton irá narrar a busca por um casamento adequado para o irmãos mais velho, Anthony (Jonathan Bailey) conforme narra o segundo livro da saga, The Viscount Who Loved Me. O interesse amoroso de Anthony, Kate Sharma, será interpretado por Simone Ashley.

O adeus a Regé-Jean Page do elenco de Bridgerton vem acompanhado do olá a duas novas adições: Charithra Chandran como Edwina, a irmã mais nova de Kate Sharma, e Rupert Young (Merlin) como Jack. Este é o mais recente membro da elite e tem uma ligação a uma das famílias mais notáveis da nobreza. A personagem foi criada especialmente para a série e não faz parte da história dos livros.