Damnation – 01×01 – Sam Riley’s Body
| 14 Nov, 2017

Iowa, em pleno início da Grande Depressão. O Pastor Seth Davenport, em sermões de igreja encapotados, vai incitando a população à luta.

Desenrola-se uma greve dos agricultores pela venda dos produtos a preços mais justos, fazendo com que a cidade comece a sentir a escassez de produtos. Os homens com poder e detentores de fortunas aproveitam-se do povo, oprimido e desprivilegiado. Os grevistas revezam-se e dividem-se de forma a não permitir a entrada de produtos na cidade a fim de serem vendidos nas lojas, uma forma de protesto que começa a ser incómoda para alguns magnatas da cidade.

Seth e a sua esposa, Amelia Davenport, há já algum tempo que viajam por diversas cidades induzindo a população a lutar pelos seus direitos, tendo como objetivo principal o de dar início a uma revolução. Na realidade, Seth não é Pastor da igreja, esta é apenas uma forma de estar mais próximo do povo e poder falar-lhes sobre a rebelião, utilizando terminologias bíblicas e sempre em nome de Deus.

Com a greve dos agricultores a ser cada vez mais importuna, o homem forte da cidade, o banqueiro Calvin Rumple, contrata o que julgamos ser um assassino profissional para ajudar um homem a transportar leite até à cidade e assim quebrar as barreiras dos grevistas e furar a greve.

Creeley Turner, o contratado, escondido na carroça do leite, mata a sangue frio Sam Riley, um dos homens que encabeçava a luta, deixando os restantes agricultores boquiabertos com a tremenda malvadez. Seth considera que esta morte pode finalmente rebentar a revolução por que tanto anseia. A luta dos agricultores, a morte de um dos grevistas, eram sempre mantidas em silêncio; quanto menos se soubesse melhor, o jornal da cidade não escrevia notícias desta dimensão, por forma a esconder isto do resto do país.

Entretanto em Harlan (Kentucky), desenrola-se uma greve dos mineiros onde nos é apresentada uma personagem, Connie Nunn, detetive privada contratada, muito ao estilo de Creeley, com o objetivo de originar um banho sangrento entre grevistas e as forças policiais, com o intuito de terminar com a greve.

O que ficamos também a saber sobre Connie é que vive numa busca incessante por Seth Davenport, acusando-o de distribuir folhetos, impelindo o povo à luta e também por ter assassinado o marido desta. Ambos, Seth e Creeley, escondem passados sangrentos e misteriosos, mas ainda antes de terminar o episódio piloto é-nos revelado um detalhe importante nas suas vidas: são irmãos, lutando em lados opostos.

Esperava ansiosamente pela estreia desta série e não desiludiu. Um primeiro episódio fluido e bastante interessante, de uma fotografia fenomenal e interpretações fantásticas. Aconselho vivamente, eu mesma continuarei a seguir as vidas e lutas dos protagonistas e da população.

Ana Galego Santos

Publicidade

Populares

she hulk poster

Recomendamos