Z: The Beginning of Everything – 01×01 – Pilot
| 30 Jan, 2017

Este primeiro episódio de Z: The Beginning of Everything relata-nos a vida de Zelda Sayre antes de se tornar uma Fitzgerald, antes de conhecer o marido F. Scott Fitzgerald, com quem viria a viver um tumultuoso casamento. Tal como acontece com outras séries da Amazon, esta série teve a estreia do seu piloto em 2015, tendo mais tarde sido aprovada para avançar como série. A estreia do episódio número dois aconteceu apenas na passada sexta-feira.

Onde estava Zelda a monotonia desvanecia-se. Vemo-la a banhar-se com as amigas e ela é a única que o decide fazer sem roupa, deixando as restantes boquiabertas. Zelda era uma jovem extravagante, com um pai autoritário que tentava que a filha não fosse falada e que mantivesse a sua reputação em boa conta, mas recusou-se a viver pelo padrão das mulheres da sua época, quis romper com estereótipos, era uma rebelde por natureza, desafiando o politicamente correcto. Um exemplo disso mesmo é quando Zelda foge de casa à noite, com a ajuda da mãe, e vai a um baile juntamente com uma amiga, aproveitando a noite para se divertir e sair com os jovens rapazes que estão prestes a partir para a guerra, já que decorria a Primeira Guerra Mundial.

Uma vez que Zelda era bailarina, é convidada para fazer uma pequena apresentação num baile de beneficência pelos soldados. Depois da sua performance, é solicitada por diversos rapazes para dançar, coisa que lhe acontecia com alguma frequência, já que até ela própria gostava de se gabar que já teria saído com quase todos os rapazes que normalmente estavam nas festas. Mas é nesta festa que conhece F. Scott Fitzgerald (autor de The Great Gatsby, entre outras obras), o homem que a faria querer assentar, o homem por quem se apaixonaria, ainda que tentasse a todo o custo demonstrar o contrário.

É com certeza uma série a acompanhar! Como não querer ver em série toda a história de vida em conjunto de Zelda e F. Scott Fitzgerald? Dois ícones dos anos 20, com um casamento tempestuoso, duas vidas marcadas pela fama e pelo drama. Desde a desconfiança, às acusações de plágio entre si, ao excessivo consumo de álcool, ao internamento num hospital psiquiátrico e a trágica morte de Zelda. Uma fantástica interpretação dos atores, mas há que destacar o de Christina Ricci, que por muitos anos que passem e por muita coisa que veja com ela, há-de ser sempre a eterna Wednesday Addams.

Uma pequena curiosidade, os criadores do famoso jogo da Nintendo, The Legend of Zelda, inspiraram-se em Zelda Fitzgerald para dar este nome à princesa do jogo.

E termino com uma frase de F. Scott Fitzgerald que surge no início do episódio e lança o mote: “I love her, and that’s the beginning and end of everything.”

Ana Galego Santos

Publicidade

Populares

she hulk poster

Recomendamos