almosthuman01x06

01×06 – Arrhythmia

Já foi transmitido o 6º episódio de Almost Human. A FOX e a sua equipa de produtores não se limitam a fazer uma série policial no futuro. Há ali um humor sempre presente que torna a série mais agradável e fluída. John tem alguma responsabilidade nisso mas o maior culpado é Dorian. O andróide de alma sintética está cada vez mais solto, mais confiante e a sua interação com John está cada vez mais interessante. E divertida!

Até o facto de a equipa encontrar um andróide da mesma gama de Dorian é motivo de agitação na parelha. John pensava que lidar com um era difícil. Com dois, pode ser um desafio. E o segundo andróide consegue ser pior que o primeiro, por incrível que possa parecer. Os dois acabam por persuadir John a permitir um elemento extra na equipa durante esta investigação. Digamos que dois Dorian’s conseguem ser convincentes.

A equipa investiga um transplante efetuado no mercado negro, com contornos de extorção. Acabam por se deparar com um esquema bastante elaborado que visa conseguir dinheiro à custa da vida das pessoas que procuram um transplante.

A detetive Valerie tem de aprender a esconder o ar angelical quando está a lidar com assuntos sérios. Estar a interrogar alguém, que luta pela sobrevivência, de sorriso no rosto, não assenta muito bem. Anda quase sempre sorridente. Eu compreendo que a moça sendo bonita, não consegue ter um ar carrancudo. E ainda bem. Mas quando o assunto é demasiado sério, a expressão dela tem de ser outra. Senão parece demasiado ficcional. Fiquei um pouco desapontado com o regresso dela a trabalho mais recatado, ao contrário do que aconteceu na semana passada em que teve um papel mais interventivo, mais saído. Pensei que iria ter mais participação mas no episódio desta semana voltou a recuar. Espero que seja por pouco tempo.

Mesmo o detetive Richard Paul, acho que deveria ter um papel mais interventivo, apesar de ser um pouco bronco, não suportar andróides e não ainda não ter aceite completamente o regresso de John ao ativo. A presença dele acaba por picar um pouco o John e o próprio Dorian. Parece-me positivo para a série. Até porque, se a história girar apenas em torno de John e Dorian, corre o risco de se tornar monótona.

Quem na semana passada ficou com dúvidas se o upgrade de Dorian era para valer, depois de ele ter virado uma carrinha ao contrário, esta semana ele mostra que não foi uma pequena atualização. Agora varre tudo!

Nota: 8/10

Ricardo Almeida