A famosa série da BBC, Doctor Who, irá perder a sua primeira Doctor no feminino, interpretada por Jodie Whittaker desde 2017.

A atriz abandona o projeto juntamente com o showrunner Chris Chibnall, mas os dois ainda estarão presentes na 13.ª temporada, que deverá estrear na época de outono deste ano, estando ainda previstos três especiais para 2022. O primeiro episódio especial tem já estreia agendada para o dia de Ano Novo.

Whittaker afirma que o seu “coração está cheio de amor por esta série, pela equipa que a criou, pelos fãs que a veem e por tudo o que trouxe” à sua vida. Acrescenta ainda que “não tem como agradecer o suficiente a Chris por lhe ter confiado as histórias dele”, sabendo que tinham fazer esta viagem juntos. Já Chibnall diz que o turno de ambos terminou e que estão prontos para “devolver as chaves da Tardis”, elogiando que “a magnífica e icónica Doctor que Jodie interpretou superou” todas as suas “expectativas elevadas”.

Piers Wenger, da BBC, afirma ainda que, nos últimos quatro anos, Chris e Jodie fizeram história em Doctor Who e o seu tempo na série ficará marcado nas memórias de todos.

Por enquanto ainda se desconhece quem irá suceder a Whittaker no papel de Doctor e a Chibnall no cargo de showrunner na 14.ª temporada.