A Netflix deu luz verde a duas novas séries, uma comédia e um thriller criminal, intituladas The Upshaws e The Chestnut Man, respetivamente, tendo ainda adicionado um novo nome à já anunciada Madam CJ Walker.

Com Wanda Sykes (The New Adventures of Old Christine) e Mike Epps (Survivor’s Remorse) no cargo de produtores executivos, assim como de protagonistas, The Upshaws centra-se numa família afro-americana da classe trabalhadora que vive no estado do Indiana e que se debate para conseguir ter uma vida digna.

Por sua vez, The Chestnut Man perfaz a segunda série original dinamarquesa do gigante streamer, numa coprodução com o criador de The Killing, Søren Sveistrup.

Os seis episódios, de 50 minutos cada, são uma adaptação do livro de Sveistrup, que acompanham dois detetives de Copenhaga à medida que investigam um caso de homicídio que toma proporções cada vez maiores. A produção da série vai começar em 2020, mas ainda não há data de estreia prevista.

Já em Madam CJ Walker, a novidade prende-se com a integração de Bill Bellamy (Mr. Box Office) no elenco da nova série.

Madam CJ Walker conta a história da empreendedora e pioneira C.J. Walker, que se dedicou aos cuidados dos cabelos das pessoas de cor. Vamos poder ver como é que ela conseguiu dar a volta numa América hostil, como lidou com rivalidades, com a família, os seus tumultuosos casamentos e com o facto de se ter tornado uma das primeiras pessoas negras milionária.

Bellamy será Sweetness, um inteligente banqueiro que se inspira no sucesso de Madam Walker e que procura uma forma de se dar bem com ela, não olhando a meios para o conseguir.