Curiosidades: Killing Eve
| 08 Fev, 2022

Continuamos a trazer curiosidades sobre as tuas séries favoritas e desta vez vamos dar a conhecer-te algumas sobre Killing Eve:

1. A série tem como base os livros de Luke Jennings: Codename Villanelle, No Tomorrow e Endgame. No entanto, há algumas diferenças entre o material de origem e a adaptação, nomeadamente algumas personagens que foram criadas especificamente para a série. Até o verdadeiro nome de Villanelle é diferente: Oxana Vorontsova e não Oksana Astankova, como a maioria de nós conhece.

2. Phoebe Waller-Bridge, a criadora da série, ao início ponderou ser ela mesma a dar vida a Villanelle ou a Eve. No entanto, acabou por colocar essa ideia de lado, uma vez que queria que houvesse uma diferença grande de idades entre as protagonistas. Acabou por ser precisamente assim, uma vez que Sandra Oh tem quase mais 22 anos do que Jodie Comer.

3. A equipa estava determinada em assegurar Oh no elenco da série, mas a atriz estaria indisponível. No entanto, Waller-Bridge insistiu e escreveu um longo e-mail para o agente de Sandra onde dizia que Eve “não poderia ser [interpretada] por mais ninguém”. A atriz, mais tarde, viria a revelar que aceitou o papel por uma combinação de dois motivos: o guião e uma admiração pelo trabalho de Waller-Bridge.

4. Jodie confessou que ficava aterrorizada só de pensar que teria de falar em múltiplas línguas na série, mas acabou por ultrapassar o problema ouvindo as palavras gravadas e escrevendo a forma como se pronunciavam, treinando em voz alta.

5. A cena final da 1.ª temporada, com Eve a esfaquear Villanelle, surgiu após um jantar entre Phoebe e Sandra onde parece ter havido algum vinho envolvido. As duas acabaram a simular a cena na mesa da cozinha, com a parte do esfaqueamento e o retirar da faca. Depois, ambas pararam, a tentar avaliar o que deveria acontecer a seguir, e acabaram por fazer a mesma coisa, sem estar combinado: tapar a zona do suposto ferimento.

6. A 1.ª temporada da série conseguiu um feito que não era visto há mais de uma década. No último episódio, havia mais 86% de pessoas a assistir comparativamente à estreia da temporada. Aliás, Killing Eve aumentou a sua popularidade a cada semana.

7. Oh é a primeira atriz de origem asiática a ser nomeada para a categoria de Melhor Atriz em Série Dramática nos Emmys. No passado, já tinha conquistado cinco nomeações para Melhor Atriz Secundária em Série Dramática pelo papel de Cristina Yang em Grey’s Anatomy.

Conhecias alguma destas curiosidades sobre Killing Eve?

Publicidade

Populares

minx sugestão

obi-wan kenobi

Recomendamos