[Este artigo contém vários SPOILERS]

2014 foi um ano recheado de momentos emocionantes! As escolhas eram imensas, mas tive que reduzir se não nunca mais saía daqui. Como tal, aqui vai uma pequena lista de vários momentos polémicos e emocionantes das nossas queridas séries!

Jaime viola Cersei em Game of Thrones

jaime rapes cersei got

Enquanto que há momentos mais em baixo que me deixaram feliz… Este deixou-me zangada. Jaime retrocede à sua personalidade da primeira temporada e força a irmã gémea a ter relações com ele aos pés do caixão do filho de ambos. Doentio, no mínimo. Esta cena foi das mais polémicas da temporada e com razão. Foi a primeira vez que dei por mim a ter pena de Cersei. Isto acontece no livro, mas o sexo é consensual. Para quê estragar tudo? Não percebo a razão e creio que nem os próprios produtores sabem.

plot twist nos minutos finais de How I Met Your Mother

how-i-met-your-mother-series-finale_1

Para muitos fãs, esta última cena deu cabo da série. Para outros, foi o concretizar daquilo que desejavam. Aparte isso, foram muitos anos na expectativa para saber como é que acabava, para saber o porquê de Ted estar a contar aquela história aos filhos. O nome talvez tivesse levado muitos a pensar que o final seria um, mas a verdade é que este minutinho final marcou o destino de toda a série.

Belle expulsa Rumplestiltskin de Storybrooke em Once Upon a Time

Once-Upon-a-Time-4X12-3 (2)

Belle foi das poucas pessoas a ver em Rumple mais do que um vilão. Desde sempre, ela acreditou que havia bondade nele e pensou que o amor que lhe dava seria suficiente para o manter no caminho certo. Belle passou grande parte desta temporada a ser ‘manipulada’ pelo amado, mas quando percebeu a traição, fez o que tinha a fazer. Com Rumple fora de Storybrooke, a cidade livra-se de um dos seus maiores vilões, mas a questão é se ele será ou não mais perigoso do lado de fora.

Mickey sai finalmente do armário em Shameless 

5339c3d71379d1442812c0f0_ian-mickey-shameless

Este era o momento que muitos fãs da série esperavam. Ian e Mickey andavam às escondidas há quatro temporadas e esperava com ansiedade pelo dia em que eles se revelassem ao mundo. Já esperava que a cena fosse forte, mas não há dúvida que superou as expectativas de muitos. Mickey Milkovich revela a sua homossexualidade no Alibi no dia do batizado do filho. A reação do pai, Jerry, foi a esperada. Muita violência, muito sangue, muita emoção e muito humor marcaram o que aconteceu a seguir. A cena deixou-me de lágrimas nos olhos. A quarta temporada de Shameless teve muitos acontecimentos tristes (especialmente devido a Fiona), mas este foi decididamente o melhor. Mickey é finalmente livre… E Ian também.

A última cena da mid-season finale de How to Get Away with Murder

how-to-get-away-with-murder-recap-season-1-episode-9-27

Todos sabíamos desde o primeiro episódio que o marido de Annalise morria às mãos dos seus alunos. Se inicialmente se pensava que o choque do episódio seria a revelação do assassino de Sam, a verdade é que nos trocaram às voltas e a surpresa ficou reservada para o final quando descobrimos que Annalise estava a par do que tinha acontecido naquela noite. Se o meu queixo pudesse cair, tinha caído naquele momento. Grande jogada e deixou-me desertinha que chegasse 2015 para ver os desenvolvimentos…

O aparecimento dos clones masculinos em Orphan Black

-orphan-black--seaso

Então não é que a Tatiana Maslany arranjou concorrência? Na emocionante season finale de Orphan Black, é revelado o Projecto Castor. Clones masculinos criados pelo exército. Parte de mim já esperava que eles existissem mesmo, mas fiquei surpreendida por ser o ator que foi. Será que vamos ter um confronto Leda vs Castor? A Helena já está lá dentro! Uma coisa é certa… Esta revelação vai mudar o rumo da série. Mal posso esperar que chegue abril!

A câmara de horrores em The 100

rs_560x373-141111130607-1024-4the-100.ls.111114

Nós sabíamos que o pessoal de Mount Weather não era muito bom. Contudo, confesso que me apanharam de surpresa com esta. Clarke sabe que eles escondem o segredo e que a chave é o tratamento que eles efetuam nos pacientes. Então, descobre a câmara onde escondem os grounders. A verdade é que eles usam aquele povo para se curarem da radiação. Tudo naquela cena final me perturbou… Não admira que eles temam os homens da montanha.

A ‘morte’ de Oliver Queen em Arrow

arrow-03_612x380

The Climb foi o melhor episódio de Arrow até agora. Foi revelada a identidade do assassino de Sara, Thea Queen e Oliver enfrentou o mítico vilão da DC Comics e líder da Liga dos Assassinos, Ra’s al Gul. A luta entre os dois é fantástica mas, no final, Oliver Queen não foi o Bruce Wayne. O justiceiro de Starling City cai para a sua… morte? Arrow não era Arrow sem o Arrow, mas a cena é poderosa e deixa-nos mesmo a pensar se…

A verdade do que aconteceu na noite em que Alison desapareceu em Pretty Little Liars

pll13

Depois de quatro temporadas, soubemos por fim a versão integral do que aconteceu no dia 1 de setembro a Alison DiLaurentis. Hanna, Spencer, Emily e Aria vão ter com ela a Nova Iorque e a ex- queen bee conta às amigas tudo o que lhe aconteceu naquela noite (mas será que contou?). Descobrimos que foi Mona quem sugeriu que Alison fugisse, que todas as aparições dela às amigas não eram alucinações, que foi ela quem empurrou Ian da torre da igreja e que não só Jessica sabe quem a tentou matar, mas também que foi ela que enterrou a filha… viva.

Nick Brody regressa em Homeland

homeland-redux-claire-danes-damian-lewis

Já havia rumores de que Brody estaria de regresso à série após a sua morte no final da terceira temporada. Contudo, o ex-fuzileiro voltou para Carrie da maneira mais triste possível. Carrie ainda não recuperou da morte do antigo amante nem do seu dedo no que lhe aconteceu. Numa troca de comprimidos que a ajudam a controlar a sua bipolaridade, Carrie começa a alucinar e vê Brody. Esta cena mostou a marca que Damian Lewis deixou na série e o impacto que a sua personagem teve em Carrie. Foi de partir o coração ver que Carrie estava a acreditar que estava novamente com ele, mas, no fundo, valeu a pena tê-lo de volta, mesmo que tivesse sido nestas circunstâncias.

O rei Henry atira a amante pela janela em Reign

Reign0114KingSexWindow

Bom, que o rei de França gostava muito de sexo, sabíamos desde o episódio piloto. Que ele andava a ficar pirado, também era bastante óbvio. Enquanto andava à procura de um pretendente para Kenna, Henry acabou por se envolver com a irmã de um deles, uma duquesa. Quando os dois estavam a ter sexo ao pé de uma janela aberta, a irmã do Arquiduque acaba por cair pela janela… Uau. E a quem é que Henry vai pedir ajuda para ‘limpar’ a cena do crime? À senhora sua esposa, claro.

Barton Scully tenta ‘curar’ a homossexualidade em Masters of Sex

EpicTVScenes-713-masters

Pobre Barton, que tanto sofreu na temporada passada devido à sua homossexualidade. Ele e a mulher, Margaret, que sofria com o a falta de interesse sexual por parte do marido de quem tanto gostava. Depois de na primeira temporada, o chefe de Masters ter relações às escondidas, no primeiro episódio da segunda resolve ‘tratar-se’ numa clínica às escondidas da mulher, sofrendo choques elétricos. Já vi muita coisa nesta série, mas ver Barton naquele estado foi demais. Todo aquele sofrimento… que acabou com a tentativa de suicídio. Margaret e a filha de ambos salvaram-no.

E vocês, que acham? Que momentos acharam mais dignos de nota e quais acrescentariam?

(Não percam, na próxima quarta-feira (dia 11) a segunda e última parte desta nossa pequena comemoração do ano que passou!) 

Maria Sofia Santos (com uma ajudinha de Diana Sampaio)