Classificação

7.9
Interpretação
7.6
Argumento
7.4
Realização
7.5
Banda Sonora

Tess (Ella Purnell) chega a Nova Iorque e consegue um trabalho à experiência num restaurante de roneme da baixa. O objetivo de Tess é conseguir ficar com o emprego no fim do mês, mas a sua falta de experiência é visível, a começar pela entrevista onde falha em responder a várias perguntas importante. Contudo, é contratada e acolhida pela equipa.

Este piloto estabelece logo uma história sólida, pronta a captar os fãs. Tess tem um objetivo, um núcleo de amigos estabelecidos e desenvolve uma paixoneta por Jake (Tom Sturridge) o bartender, tanto quanto Will (Evan Jonigkeit), o seu formador, desenvolve uma paixoneta por ela. Simone (Caitlin FitzGerald), uma especialista em vinhos e empregada no restaurante, resolve acolher Tess como sua aprendiz.

Depois desta surpresa inicial agradável veio o previsível. O que falta num típico drama sediado em NY? Dez pontos para quem responder: sexo e drogas. Sweetbitter revelou-se mais um cliché, apesar de ter tudo para se destacar dos outros. A verdade é que esta é a única série que tem um restaurante como base – não contando todos os reality shows – e que aborda temáticas importantes, como assédio sexual dentro da indústria, mas perdeu por se agarrar a enredos tão repetitivos e aborrecidos.

A elegância e sofisticação de FitzGerald contrastam com a monotonia de Purnell, mas torna Tess numa personagem inocente e cativante num mundo aonde quer desesperadamente pertencer. A sua personalidade torna-a numa observadora experiente, o que lhe dá a oportunidade de descobrir os segredos dos vários trabalhadores do restaurante.

Apesar do foco em Tess, bem como em personagens mais fortes como Caitlin e Jake, também Ari (Eden Epstein), a empregada lésbica, e Sasha (Daniyar), a emigrante russa, nos enchem de curiosidade e vontade de conhecer as suas histórias. Isto é sem dúvida uma das oportunidades desta série em se tornar em algo diferente e interessante.

Sweetbitter tem as armas de que precisa para vingar no mundo das séries. Jogando as cartas certas, poderá tornar-se na escolha de muitos fãs para ver numa sexta-feira à noite, harmonizada com o melhor dos vinhos e uns belos petiscos.

Beatriz Pinto