Classificação

9
Interpretação
8.7
Argumento
8.1
Realização
8
Banda Sonora

[Contém spoilers]

No programa televisivo apresentado por Brett – e que tem contestado a Presidente-Eleita e o seu filho – é feita uma entrevista a ex-militares que faziam parte do pelotão comandado pelo filho da Presidente-Eleita. Nessa entrevista, ele não é visto como um herói, mas sim como um cobarde que fugiu numa situação de aperto e acabou morto. Mais à frente, Brett mostra um vídeo a Dar, no qual é possível ver que o filho da Presidente-Eleita é mesmo um herói, mas que estão a adulterar a história de forma a mostrá-lo como um cobarde.

Saul visita Majid, que se encontra num asilo para sem-abrigos enquanto espera pela resposta ao seu pedido de asilo político. Saul pede-lhe paciência e que espere, porque ainda não conseguiu falar com a Presidente-Eleita.

Seguidamente, Saul segue para casa de Carrie, ficando a saber da situação de Franny. Finalmente, a pessoa que melhor compreende Carrie chegou para a ajudar. Saul descobre onde está Franny e leva Carrie a vê-la. Depois disto, pede-lhe ajuda para arranjar um encontro entre Majid e a Presidente-Eleita. Carrie conta-lhe o que aconteceu sobre a bomba, o homem que a vigiava do outro lado da rua, Conlin, tudo.

Carrie acaba por conseguir combinar o encontro e, já frente a frente com a Presidente-Eleita, Majid mente, dizendo que as preocupações são válidas, já que o acordo nuclear foi quebrado e o Irão está a estabelecer um programa paralelo com a Coreia do Norte. Saul defende o contrário, mas a Presidente-Eleita não acredita, nem mesmo em Carrie. Ao ser confrontado, Majid diz a Saul que fez um acordo com Dar Adal.

Quinn confidencia a Astrid que os acontecimentos estão um pouco confusos na sua cabeça e não sabe o que é real ou não. Aproveitando que esta saiu para correr, Quinn procura na casa e no carro de Astrid alguma coisa que lhe permita perceber o que está a acontecer e porque está ele ali. Descobre um envelope com um passaporte com a sua fotografia, mas com outro nome, dinheiro e medicamentos e no carro descobre uma arma, à qual tira as balas todas.

Astrid leva Quinn ao supermercado e ele pensa ter visto o vizinho de Carrie que os vigiava. Isto leva-o a atacar Astrid quando regressam a casa, a roubar o seu carro e a ir à procura do homem. Acaba por atacar um homem num motel, mas na realidade o homem não é o vizinho de Carrie. Peter pensa ser tudo alucinações da sua cabeça e volta para casa, pedindo desculpa a Astrid. Neste momento, o homem (vizinho de Carrie) dispara contra eles. Astrid vai buscar a arma ao carro e Quinn tenta dizer-lhe que tirou as balas, mas sem efeito. Astrid acaba morta, para desespero de Quinn. Quinn consegue fugir, mas o homem consegue apanhá-lo e dispara, atingindo-o. Quinn cai à água, voltando à superfície algum tempo mais tarde, e já depois de o homem ter abandonado o local.

Não podiam ter morto uma das personagens essenciais desta temporada! Quinn tem sido até agora o melhor elemento desta sexta temporada e Rupert tem tido um desempenho exemplar!

Final de episódio de ficar com o coração nas mãos! Muito empolgante! Esta temporada, os melhores episódios têm sido claramente aqueles em que Quinn está mais em ação. Estou curioso para ver Quinn juntar-se a Carrie e Saul para desvendarem todas as dúvidas que pairam nas nossas cabeças.

David Pereira