04x02 - My Oldest Daughter

04×02 – My Oldest Daughter

Contém Spoilers!

Esta semana já fiquei bem mais satisfeita com o episódio. Já foi um pouco mais Gallagher do que o 1º. No entanto muito está diferente.

Afinal onde anda o Ian e quando é que ele vai reaparecer? Já faz falta um pouco de ação gay na história. E a Mandy e o Lip, será que não há hipótese de uma reaproximação? Sim, porque a vida na Universidade não estáa tratar o Lip muito bem. A verdade é que lá não é o mesmo que em casa, não é o mais inteligente, não é um líder, não consegue as miúdas que quer, não tem amigos da idade dele e o ser sarcástico não o está a levar a lado nenhum. Devo dizer que estou curiosa para saber onde isto vai parar e o que está reservado a este personagem.

Se para o Lip a vida não corre bem, o contrário acontece a Fiona que agora que tem um emprego estável está prestes a ser promovida, consegue dar dinheiro aos irmãos para os almoços e consegiu um seguro médico. Já a sua relação, para mim, continua a ser uma dinâmica um pouco estranha, e não percebo muito bem o porquê de ela a manter mas, tenho realmente esperança que isso só esteja a acontecer como indicador de que o Jimmy vai voltar.

Quando à Debbie, realmente ela não parece a mesma. Deixou de ser aquela miuda fofinha que se preocupava com toda a gente e entrou na adolescência a todo o gás. Vamos lá ver o que é que lhe está reservado, pois no fundo ela continua a ser a Debbie com consciência e que não consegue fazer as coisas só por fazer.

E o pobre Frank? Parece que mesmo continuando a ser ele mesmo e a trazer surpresas para a história, parece que tem uma filha mais velha a quem vai pedir ajuda porque a Fiona não o ajuda, o Frank está realmente doente. E, a única pessoa que faz de tudo para o ajudar e quer saber dele é o Carl.

Estou realmente empolgada para ver o que vai acontecer no próximo episódio. Será que o Ian vai dar sinais de vida? Como é que o Lip vai dar a volta à sua nova vida? Como é que o Kevin e a Veronica vão criar 4 crianças? Por onde vai a relação da Fiona?

Nota: 8,5/10

Ana Rodrigues