Curiosidades: Prison Break
| 30 Mar, 2016

Numa altura em que sabemos que o regresso de Prison Break está para breve, decidimos mostrar aqui algumas curiosidades sobre a série.

1. A antiga Prisão Joliet, onde era suposto ser gravada Prison Break, tinha celas muito pequenas e por isso foi necessário reproduzir a prisão em estúdio para haver espaço para a equipa e o elenco.

2. Muitas das cenas são filmadas na cela onde esteve preso John Wayne Gacy, um violador e serial-killer.

3. A cadeira eléctrica não é a primeira escolha para execuções no estado de Illinois, onde Prison Break era passada. Originalmente, o método de execução escrito para Lincoln Burrows seria por injeção letal, mas para ser mais chocante decidiram-se mesmo pela cadeira elétrica.

4. O conceito inicial de Prison Break não foi pensado com Michael a tirar Lincoln da prisão. Era apenas a história de um homem a ser deliberadamente preso para depois tentar a fuga. No entanto, uma colega de Paul Scheuring, o criador da série, achou que para alguém fazer algo assim tinha de ter uma forte motivação que envolvesse algo que se estendesse a outras temporadas. Assim, Scheuring pensou melhor e surgiu a história que hoje conhecemos.

5. A ideia para Prison Break surgiu em 2003, mas a Fox acabou por não querer produzir a série com medo da temática das prisões. Depois ainda houve uma tentativa de fazer uma minissérie de fez episódios que atraiu alguns nomes como Spielberg e Bruce Willis, mas a ideia não passou do papel. O sucesso de séries como 24 e Lost é que fizeram a FOX mudar de ideias e produzir então Prison Break.

6. Treze prisões reais decidiram que Prison Break era de visualização proibida, portanto não foi permitido aos presos destes estabelecimentos verem a série.

7. A personagem de Sarah Wayne Callies, Sara Tancredi, era suposto ter morrido de overdose, mas devido à popularidade decidiram ‘poupá-la’ e morreu então Veronica Donovan.

8. Silas Weir Mitchell, o Heywire, originalmente fez testes para interpretar T-Bag.

9. C-Note, interpretado por Rockmund Dunbar, só era suposto aparecer em dois episódios. No entanto, quando a série ganhou temporada completa na primeira temporada, o personagem passou a regular.

10. O hiato de quatro meses, entre os episódios 13 e 14 da primeira temporada de Prison Break, deu origem a uma grande alteração no guião da série. A execução de Lincoln estava programada para ser em maio na série, mas na realidade nevava, o que não acontece em maio.

11. O nome da prisão de Prison Break, Fox River, é uma homenagem a um rio de Western Chicagoland, que fica próximo à prisão real que serviu de cenário para a gravação da série.

12. DB Cooper, interpratado por Muse Watson, foi baseado num homem que, em 1971, depois de sequestrar um avião, extorquiu 200 mil dólares à empresa proprietária, a Northwest Orient. O homem ainda saltou do avião em movimento com 21 quilos de notas de 20 dólares amarradas ao corpo e nunca foi apanhado.

13. O actor Stacy Keach, que faz o papel do Director Henry Pope, passou seis meses numa prisão britânica e desenvolveu a sua personagem tendo como base o próprio diretor da prisão onde esteve.

14. Robert Knepper inspirou-se no penteado de um professor de Ciências que teve na juventude para o seu personagem, T-Bag.

15. A tatuagem de Michael demorava quatro horas e meia a ser desenhada no corpo de Wentworth Miller. Uma tatuagem real igual calcula-se que levaria 200 horas a fazer e que custaria cerca de 15 mil dólares.

16. Ainda a propósito de Wentworth, o ator foi escolhido à última da hora para o elenco.

17. Muitos dos personagens têm nomes inspirados em presidentes e políticos. Lincoln Burrows e T-Bag (Theodore) por causa de Abraham Lincoln e Theodore Roosevelt, respetivamente; Michael Scofield, Benjamin Miles “C-Note” Franklin e Alexander Mahone por causa de Edward Scofield, Benjamin Franklin e William Mahone. Também Paul Kellerman tem este nome por Roy Kellerman, o agente dos Serviços Secretos que seguia na limousine de JFK quando este foi assassinado.

Publicidade

Populares

a league of their own

Recomendamos