Depois de há três dias a Amazon ter cancelado Z: The Beginning of Everything, o gigante do streaming decidiu também cancelar The Last Tycoon. Ambas ligadas ao universo do escritor F. Scott Fitzgerald, uma sobre a sua mulher, outra sobre uma das suas obras, os dois cancelamentos estão a ser explicados como uma forma de a Amazon reduzir custos com as suas produções originais.

The Last Tycoon, baseada na última obra inacabada de Fitzgerald, segue a história de Monroe Stahr (interpretado por Matt Bomer), que se debate com a dor da perda da mulher. No plano profissional, ele é um produtor em ascensão numa Hollywood mergulhada na Grande Depressão e dominada pelos nazis. Monroe sofre de uma patologia grave no coração, quase como se vivesse com uma bomba relógio, e isso motiva-o a procurar o filme perfeito, mesmo que para isso tenha que contrariar o seu chefe e dono do estúdio, Pat Brady (Kelsey Grammer).