Classificação

8.7
Interpretação
7.9
Argumento
8.5
Realização
8.1
Banda Sonora

[Contém spoilers]

Never caught

À terceira é de vez e The Flash começa neste episódio a descobrir o rumo certo para a temporada.

“The Death of Vibe” começou de forma muito sólida, expondo os ases desta temporada: Nora com as suas informações do futuro e apontando as mudanças que começam a ser feitas à timeline; vemos uma imagem de uma Team Flash bastante unida que ainda não tínhamos visto nesta temporada; e é adicionado mais um aviso de perigo ao vilão Cicada com a revelação de que na linha temporal de Nora o Flash nunca o conseguiu capturar.

E para impedir que o futuro se repita surge assim… Sherloque Wells! Que é, sem dúvida, uma personagem genial. Traz uma combinação perfeita entre Harrison Wells, Sherlock Holmes e, claro, Poirot (pois toda a gente sabe que o Sherlock Holmes francês é Hercule Poirot). A sua introdução foi bem pensada, não pareceu forçada e traz de volta Tom Cavanagh, sem o qual a série nem é a mesma (já tínhamos saudades!). Será que este Wells guarda segredos sombrios como todas as suas outras contrapartes ou, neste caso, será ele a revelar os segredos dos outros?

Iris tinha uma tatuagem de um antigo namorado? Ehehe. E, mais importante, o que esconde Nora? Com quem está ela em contacto e que lhe disse para intervir na queda do satélite?

Ralph e Caitlin formaram uma boa dupla esta semana e as peças do mistério de Killer Frost e de Thomas Snow começam a ser montadas, aguçando a nossa curiosidade. Gostei também particularmente da descrição da relação de Caitlin com o pai, pareceu realmente ternurenta e chegada. Estará ele mesmo morto ou está vivo e escondido algures? Schrödinger’s Thomas.

Apontando o dedo às falhas, penso que as mais fulcrais terão sido o facto de Cicada não ter considerado que Joe não estivesse em casa sozinho quando o foi atacar; Barry atacar Cicada de frente sem nenhum plano (pensei que fosse optar pelo que Nora depois fez, de lhe mandar com um raio, o que foi muito bem pensado e no geral nos deu uma excelente cena de ação da Team Flash vs. Cicada; e este último ponto é um possível erro, já que não sei bem se o Flash está na lista de vítimas de Cicada ou não, mas, caso esteja, foi um desperdício não o ter já eliminado quando teve a oportunidade.

Ao contrário dos comics, devido às alterações na timeline, este Cicada não se chama David Hersch (mas sim Orlin), o que foi uma ótima jogada por parte dos produtores, trazendo uma adaptação original. O seu ódio por metahumanos, no entanto, é cada vez mais claro e como Sherloque e Ralph não são os únicos detetives da equipa, com Joe ficamos com a pista de que Cicada é pai. O que pôs a filha dele no hospital é que ainda é uma pergunta sem resposta, assim como a razão para querer Vibe morto.

Conseguirá The Flash manter a emoção no próximo episódio? Em “News Flash”, Nora muda-se para a casa de Barry e Iris (o que pode correr mal?). Spin, a nova ameaça, usa tecnologia meta. Estará Ralph em baixo? Quem pode ajudá-lo? Não percam tudo isto na próxima semana. Até lá, boas corridas!

Emanuel Candeias